Elecom aposta na tecnologia com fio para embelezar mouses

O (potencialmente polêmico) mouse, chamado Rinkak, não é, funcionalmente falando, nada além de um mouse com fio.



A japonesa Elecom possui tradição de sempre inovar e lançar produtos com propostas e designs, de certa forma, inusitados, e, sejamos francos, estilosos. Dando continuidade a isso, ela resolveu dar seu toque a um mouse com fio. Muitos devem se perguntar, com razão, ?mas uma empresa deste porte lidando com mouses com fio??.

E, seguramente, poucas marcas se arriscariam a isso, tendo em vista que para muitos, a tecnologia atual para mouses é a wireless (mesmo com contratempos como término da carga das pilhas domingo à noite), e apostar em qualquer tipo de investimento na variante com fio seria perda de tempo e dinheiro. Entretanto, como a Elecom não lida com o tradicional, customizar um mouse com fio está inteiramente dentro de sua proposta.

O (potencialmente polêmico) mouse, chamado Rinkak, não é, funcionalmente falando, nada além de um mouse com fio, com precisão de 1000 dpi. Sua diferença, contudo, reside em sua estética. Em japonês, Rinkak significa contorno, e é isso que vemos nele. O até então dispensável fio do produto ganhou cores (à escolha do consumidor) e agora circunda o mouse, dando a ele um visual bastante agradável e diferente (pessoalmente, os achei incrivelmente parecidos com aqueles docinhos de casamento).

Cor também foi adicionada ao botão de scrollling, o que o deixou mais harmonioso e de acordo com a proposta. Alguns devem se perguntar ?Mas é só isso??. De certa forma, sim. Obviamente, o mouse contará com boa construção e qualidade sempre presentes em produtos da empresa; mas, além disso, seu mérito é ser um dispositivo que deverá agradar designers, crianças e (por que não) adultos fãs de docinhos de casamento.

O lançamento oficial do Rinkak Mouse será no final de junho, no Japão, e ainda não há previsão da chegada dele às prateleiras de demais países. Também não há informação a respeito de preço.

Fonte: www.techtudo.com.br