Em parceria com Skype, Facebook anuncia chat em vídeo; são 750 milhões de usuários

Em parceria com Skype, Facebook anuncia chat em vídeo; são 750 milhões de usuários

Além disso, o Facebook contará com chat em grupo e um novo design do bate-papo

Em um evento na tarde desta quarta-feira em Palo Alto, na Califórnia, o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, fez o anúncio "incrível" prometido na semana passada. Os rumores se confirmaram e Zuckerberg lançou um chat em vídeo na rede social em parceria com o Skype.

Além disso, o Facebook contará com chat em grupo e um novo design do bate-papo, que inclui uma barra lateral que lista as pessoas com quem o usuário conversa mais. Zuckerberg confirmou que o Facebook alcançou os 750 milhões de usuários, mas disse que os lançamentos têm muito mais a ver com a quantidade de conteúdo compartilhado na rede que com o número de usuários. Zuckerberg afirmou que o número de conteúdo compartilhado no site dobrou no último ano, e deve dobrar novamente no próximo.

A ferramenta de bate-papo por vídeo do Facebook permite, além de conversar com outros usuários, deixar uma mensagem em vídeo caso o amigo não esteja online ou não responda a mensagem. Segundo o Facebook, a chamada em vídeo estará disponível para todos os usuários nas próximas semanas. Quem não quiser esperar, pode testar a funcionalidade pelo site http://www.facebook.com/videocalling.

O CEO do Skype, Tony Bates, participou do anúncio, e afirmou que a parceria entre as duas empresas será capaz de conectar milhões de pessoas. A nova ferramenta não inclui chats em grupo por vídeo, funcionalidade que o Google implementou na semana passada na sua nova rede social, o Google+. Zuckerberg afirmou que a empresa não descarta um tipo de chat em grupo por vídeo, semelhante ao Hangouts da gigante das buscas.

De acordo com os executivos, as negociações entre Facebook e Skype começaram antes da compra da empresa pela Microsoft. Bates afirmou que quando o anúncio da aquisição do Skype foi feito, a primeira reunião dele com o CEO da Microsoft, Steve Ballmer, foi com Zuckerberg. "Tanto para Steve quanto para mim, essa era a relação estratégica mais importante", afirmou.

Fonte: Terra, www.terra.com.br