Estudo: enquanto iPad cresce, venda de PCs diminui no mercado

Estudo: enquanto iPad cresce, venda de PCs diminui no mercado

os consumidores não estão mais interessados na categoria de PCs barato

Desde o lançamento em 2010, o iPad tem sido encarado, no mercado de eletrônicos, como um poderoso concorrente em potencial do PC. Segundo o site Huffington Post, dois novos estudos apontam que, como aconteceu no ano passado, a venda de PCs contina em queda no primeiro trimestre de 2011 enquanto o tablet da Apple mostra força competitiva no mercado.

De acordo com o instituto Gartner, a fabricação de PCs diminuiu em 1,1% comparado com o mesmo período de 2010. Já o instituto IDC mostrou que a fabricação de PCs caiu 3,2%. A diferença dos números se dá porque os institutos medem o mercado de maneiras distintas. A previsão para este trimestre, no entanto, era de alta da fabricação. A Gartner esperava crescimento de 3% e o IDC, de 1,5%.

Para o analista Mikako Kitagawa, da Gartner, os consumidores não estão mais interessados na categoria de PCs baratos, o que, segundo ele, era o que mantinha o crescimento deste setor do mercado. E um dos grandes responsáveis por este cenário é justamente o iPad, da Apple. "Com o lançamento do iPad 2, mais consumidores mudaram o foco e compraram um dispositivo alternativo ou simplesmente se contiveram para não comprar um PC", falou Kitagawa.

Kitagawa ainda afirma que o cenário não é certo. "Ainda estamos investigando se essa tendência vai ter um efeito de longo prazo no mercado de PC", concluiu.

Fonte: Terra, www.terra.com.br