Facebook  vai ganhar videochamadas em grupo contra Google+

Facebook vai ganhar videochamadas em grupo contra Google+

Serviço gratuito de videoconferência ooVoo irá permitir que usuários da rede social façam chamadas com até 12 pessoas, similar ao Hangouts da Google.

Um dos recursos mais atrativos do Google+ é o serviço de videochamada em grupo chamado Hangouts. Contudo, em breve os usuários do Facebook poderão aproveitar uma experiência similar, apesar do recurso não ser exatamente trazido pelaa rede social em si.

O serviço de chat por vídeo ooVoo apresentou nesta semana um upgrade que aumenta de seis para doze o número de participantes permitidos em uma chamada por vídeo, e liberou uma aplicação para Faceook que possibilita conferências por vídeo em alta definição com essa quantidade de pessoas. O crescimento da ooVoo foi um tanto quanto silencioso, alcançando 46 milhões de usuários em todo mundo até abril deste ano. "O app do Facebook é responsável pela demanda de usuários que procuram por outras maneiras de utilizar seus dispositivos móveis para se conectar com seus amigos, de acordo com a companhia.

Um detalhe interessante é que, na rede social de Zuckerberg, os usuários do chat não precisam ser membros do ooVoo. Se a pessoa para qual você estiver ligando não estiver cadastrada, a aplicação dá a opção para enviar um link de chamada por e-mail, post ou texto, para que o usuário possa participar da conferência sem se registrar.

O serviço também utiliza o Facebook como um novo método de login em seus apps para iOS e Android, afirmando que simplifica o processo de cadastro e permite que os usuários gravem e façam upload de conversas de vídeos para a web, um recurso anteriormente disponível apenas para contas premium.

É possível fazer videoconferências no Facebook desde julho do ano passado, quando o site firmou uma parceria com o Skype, contudo as chamadas são apenas de um usuário para outro, por isso o Hangouts do Google+ parece uma opção mais atrativa para chamadas com múltiplos usuários, enquanto que a companhia de Mountain View promete melhorar cada vez mais a ferramenta, de acordo com as melhorias de performance no Google+.

Fonte: Uol-idgnow