Pai aconselha a não trabalhar no Facebook e filho perde milhões

A partir do conselho, quando Zuckerberg convidou o colega para participar do Facebook, ele recusou

Um americano chamado Joe Green "perdeu" cerca de US$ 3 bilhões ao ouvir o conselho do pai dele. "Eu acho que você deveria deixar de trabalhar em projetos com o Zuckerberg", disse ele ao filho quando Joe era colega do CEO do Facebook na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, segundo o site Business Insider.

A partir do conselho, quando Zuckerberg convidou o colega para participar do Facebook, ele recusou. A posição teria dado a ele de 4% a 6% da rede social, segundo estimativas do próprio Joe, o que corresponderia a cerca de US$ 3 bilhões.

"De vez em quando essa situação me dá uma certa infelicidade, mas, no geral, eu tenho sido muito abençoado com o que eu faço hoje em dia", confessou Joe ao site da Bloomberg Business Wekk. Ele também é cofundador das companhias Causes e NationBuilder.

Fonte: Terra