Fraudes virtuais em sites bancários dão prejuízo de R$ 1 bilhão

Fraudes virtuais em sites bancários dão prejuízo de R$ 1 bilhão

De acordo com a organização não-governamental, essas fraudes ocorrem por meio do golpe virtual

A ONG de segurança da informação Safernet estima que fraudes bancárias através da Internet causem prejuízo anual de aproximadamente R$ 1 bilhão, apenas no Brasil. Segundo levantamento divulgado pelo jornal O Globo, o setor bancário é um dos que mais recebe reclamações.

Números divulgados pela Febraban apontam para um crescimento vertiginoso na quantidade de transações bancárias pela Internet: no Brasil, 25% de todas as operações são feitas pela web. Ainda segundo a Federação dos Bancos, outros 40% são feitos utilizando meios eletrônicos em geral, como o caixa eletrônico.

De acordo com a organização não-governamental, essas fraudes ocorrem principalmente por meio do golpe virtual conhecido como phishing. Esse crime consiste na criação de sites falsos, por parte dos golpistas, bem parecidos com os originais, fazendo com que o usuário digite seus dados bancários sem perceber e acabam por enviar suas senhas à hackers .

Para tentar aumentar a seguranças nas transações virtuais, as instituições bancárias investem cerca de R$ 2 bilhões, em sistemas e hardwares de segurança ? a prevenção custa quase o dobro do prejuízo.

Dados fornecidos pelo Anti-Phishing Working Group indicam que, no mundo, até meados de 2011, foram reportados mais de 140 mil e-mails contendo phishing e 195,9 mil sites falsos: 72% desses endereços piratas eram fraudes contra o correntista. Na tentativa de evitar esse tipo de golpe. Os bancos começam a adotar o domínio b.br, que seria mais seguro. Apesar de ter sido criado em 2008 pelo Comitê Gestor da Internet, os novos sites com o endereço nunca foram bem divulgados.

Fonte: techtudo.com.br