Fundador do Google ensina como abandonar iPhone para Android

Fundador do Google ensina como abandonar iPhone para Android

Co-fundador do Google, Eric Schmidt, postou no Google+ benefícios e dicas de como transferir seus arquivos e contatos do iPhone para Android

Se você está migrando do iOS para um dispositivo Android, vale a pena checar as dicas que um dos fundadores do Google, Eric Schmidt, publicou em sua página pessoal do Google+. Em uma postagem nesta segunda-feira, dia 25, o executivo aumenta as suas táticas para convencer os consumidores a fazerem a troca.

Co-fundador do Google, Eric Schmidt, postou no Google+ benefícios e dicas de como transferir seus arquivos e contatos do iPhone para Android.

?Como as pessoas que migraram de PCs para Macs e não mudaram de volta, você vai mudar de iPhone para o Android e nunca mais vai voltar. Ele apresenta a facilidade de guardar em nuvem e tantas outras opções para você?, explica Schmidt, que já fez parte do conselho da Apple entre 2006 e 2009, mas decidiu sair pela crescente concorrência com o Google. A principal dica publicada é sobre a importação de contatos do iCloud para o Gmail, que segue o seguinte passo a passo:

Passo 1. Atualizar o iPhone para o iOS 7.

Passo 2. Fazer o backup dos contatos no iCloud.

Passo 3. Ativar a sincronização de contatos no Gmail.

A partir daí, segundo Schmidt, você já poderá ver seus contatos no Android. Se o procedimento não funcionar, entretanto, você pode tentar por meio de um microSD, algo que você pode aprender melhor lendo este tutorial.

No geral, o executivo não trouxe novidades, mas é interessante notar esse tipo de informação em seu perfil na rede social da companhia. Afinal, se você quiser realmente comprar um Android no Natal e deixar o iPhone de lado, vai precisar de uma ajuda extra para transferir seus dados de um smartphone para outro.

O executivo também faz questão de apontar a dominância de 80% do Android no mundo. Ele só não se pronunciou sobre a falta de atualização dos dispositivos com o sistema. Apesar da maioria dos aparelhos já rodarem Jelly Bean, ainda há mais da metade dos usuários presos em versões antigas.

Fonte: Tech Tudo