Google e Microsoft formam grupo para expandir tecnologia de internet WiFi

Entre as empresas estão a Motorola, Best Buy, e a Consumer Electronics Associatio


 Homem que perdeu 111 kg comendo sanduíches participa de maratona

Empresas de tecnologia como o Google, Microsoft, Comcast, Time Warner Cable, Charter Communications formaram um novo grupo para trabalhar com a expansão da Internet WiFi, de acordo com informações do Wall Street Journal.

São 18 companhias confirmadas até o momento no projeto chamado WifiForward. Entre elas estão a Motorola, Best Buy, e a Consumer Electronics Associatio, iniciativa por trás da feita Consumer Electronics Show (CES).

Uma declaração descreve a coalisão como ?um grupo amplo de empresas, organizações e instituições do setor público que trabalham para aliviar a crise de espectro Wi-Fi e apoio à tomada de Wi-Fi ainda melhor por encontrar mais espectros não licenciados?.

A aliança tem como objetivo proteger e fortalecer designações de espectros não licenciados existentes, liberar espectros para a utilização não licenciada de uma variedade de frequências e estabelecer regras que incentivam o crescimento e implantação de redes

WifiForward fará um lobby no governo para que espectros adicionais sejam usados para criar novas redes sem fio ? levando em conta que cada vez mais as pessoas utilizam a internet que exigem banda, ao ouvir música ou assistir vídeos.

De acordo com a Cisco, cerca de 57% de todo o tráfego de dados móveis nos Estados Unidos é realizado através de Wi-Fi, e os usuários consomem cerca de 1,4 GB de dados por mês.

Eles acreditam que até 2018, 64% do tráfego móvel será por Wi-Fi e o consumo de dados vai aumentar para 9 GB por mês.

Empresas como a Microsoft e Google concentram muitos de seus serviços na nuvem. Portanto, faz todo sentido que elas apoiem tal projeto.

Fonte: Baboo