Google inicia processo de “direito ao esquecimento”; pedidos de usuários

Desde o dia 30 de maio os europeus têm acesso a um formulário online para solicitar a retirada desses dados dos resultados das buscas.

Em pouco mais de um mês, o Google recebeu 70 mil pedidos de usuários para que seus nomes sejam retirados do site de buscas de acordo com o ?direito ao esquecimento?, reconhecido pelo Tribunal Europeu desde o dia 30 de maio.


Google inicia processo de ?direito ao esquecimento?

O ?direito ao esquecimento? protege os internautas que desejam que seus dados pessoais sejam suprimidos do Google, desde que seja comprovado que as informações são lesivas ou vexatórias.

Desde o dia 30 de maio os europeus têm acesso a um formulário online para solicitar a retirada desses dados dos resultados das buscas. Logo no primeiro dia, mais de 12 mil pedidos foram feitos. Atualmente, a média é de 1.000 pedidos por dia na Europa.

De acordo com o Google, 267.550 links serão tratados individualmente por um comitê de especialistas. O país com o maior número de pedidos é a França, com 14.806 formulários preenchidos, seguido da Alemanha, com 12.678 e Reino Unido, com 8.497 pedidos. As informações são do El País.

Fonte: r7