Hackers postam vídeo pornográfico em canal infantil do You Tube

Hackers postam vídeo pornográfico em canal infantil do You Tube

Na segunda-feira o site ficou for a do ar durante quase todo o dia, até que o problema fosse completamente solucionado.

No último domingo (16) o conteúdo do canal Sesame Street (Vila Sésamo) no YouTube foi invadido por hackers e substituído por filmes pornográficos. O canal oficial do famoso programa infantil ficou no ar por cerca de 20 minutos com o conteúdo inserido pelos criminosos que trocaram os famosos personagens da série por imagens de sexo explícito.

Na segunda-feira o site ficou for a do ar durante quase todo o dia, até que o problema fosse completamente solucionado.

Além das imagens, os textos da página também foram trocados por mensagens de baixo calão assinadas por crackers conhecidos por MREDXWX e MRSUICIDER91.

Segundo informações da rede CNN, logo apos o caso tornar-se público, MrEdxwx negou autoria do ataque. "Eu respeito os termos do YouTube", declarou.

O YouTube retirou do ar os vídeos com conteúdo impróprio após denúncias de usuários. O canal infantil tem 140 mil assinantes.

Os produtores do Sesame Street publicaram um pedido de desculpas para os usuários. "Nosso canal foi comprometido e estamos trabalhando com Google e YouTube para restaurar nosso conteúdo original. Sempre fornecemos conteúdo apto para nossa audiência e esperamos resolver o problema o mais rapidamente possível."

Uma denuncia foi feita perante à justiça os Estados Unidos e o caso está sendo investigado para identificar os autores do ataque.

Vila Sésamo foi lançado em 1969 nos Estados Unidos, com a proposta de produzir um conteúdo educativo, ancorado por bonecos que ganharam fama ao redor do mundo. No Brasil foi exibido pela TV Cultura e TV Globo no período de 1972 a 1977.


Hackers postam vídeo pornográfico em canal infantil do You Tube

Fonte: O Fuxico