Homenagem a Steve Jobs é feita na sede da Apple; exibiram vídeo

Homenagem a Steve Jobs é feita na sede da Apple; exibiram vídeo

Evento teve apresentações musicais de Coldplay e Norah Jones.

A Apple divulgou no domingo (23) o vídeo da homenagem feita a Steve Jobs na sede da Apple, em Cupertino, em 19 de outubro. O vídeo, intitulado “Celebrating Steve” ("Celebrando Steve", em português), foi publicado na página oficial da Apple e só está acessível para usuários que acessarem o conteúdo por meio do sistema operacional Snow Leopard ou Lion e no iPhone ou iPad com sistema a partir do iOS 3. No Windows, embora apresente compatibilidade com o programa Quicktime, o vídeo pode não estar disponível para todas as regiões.

As imagens mostram todos os discursos do evento de quarta-feira, que não foi aberto ao público. Tim Cook, novo presidente-executivo da empresa, fez um discurso durante a homenagem na Califórnia, que teve a presença da viúva de Jobs, Laurene Powell Jobs, na plateia.

Cook recebeu emocionado os funcionários da Apple, comentando que muitos outros ao redor do mundo assistiam a homenagem por meio de vídeo. "As últimas duas semanas da minha vida foram as mais tristes que já tive na vida. Mas reunimos toda a companhia aqui para celebrarmos sua vida extraordinária e suas conquistas ao longo de sua trajetória", disse Cook. "Pessoas ao redor do mundo estão sentido sua morte. As pessoas o chamam de "visionário", de original, de gênio, de o maior inventor da nossa época. Ele tinha a curiosidade de uma criança e uma mente de um gênio. Tudo isso estava em um homem".

O atual CEO da Apple disse no discurso que o último conselho de Jobs antes de morrer para ele foi: ""Nunca pergunte o que eu faria", disse ele. "Faça apenas o que é certo". Ele me contou que a Disney, depois da morte de Walt Disney, ficou paralisada tempo demais, se perguntando se o criador gostaria do trabalho que estavam fazendo, e ele não queria isso para a Apple".

Ele também citou frases de Jobs como "fazer o simples pode ser mais difícil do que fazer o complexo; você deve pensar mais para tornar as coisas simples".

Antes de pedir um minuto de silêncio, o executivo solicitou que fosse tocado a narração de Jobs na propaganda da empresa chamada "Crazy Ones", que foi originalmente ao ar narrada pelo ator Richard Dreyfus. O momento foi de muita emoção para Cook e os funcionários da empresa. "Steve teria adorado isto", disse.

Bill Campbell, empresário que trabalhou com Jobs na Apple na criação do Mac na década de 1980 e atual presidente da mesa de diretores da Apple, falou sobre seu tempo com o cofindador da empresa e afirmou que Jobs o desafiava todos os dias.

O ex-vice-presidente dos Estados Unidos, Al Gore, que também faz parte da mesa de diretores, discursou sobre Jobs na homenagem. Jonathan Ive, vice-presidente de design da Apple, a quem Jobs considerou "parceiro espitirual", também falou para os funcionários da empresa.

A homenagem ainda teve apresentações musicais do grupo britânico Coldplay e da cantora americana Norah Jones, que cantou "Forever Young", canção do compositor Bob Dylan, um dos ídolos de Jobs.


Homenagem a Steve Jobs é feita na sede da Apple; exibiram vídeo

Fonte: g1, www.g1.com.br