Ataques virtuais roubam logins e senhas de milhares no Facebook

O Facebook, no entanto, afirmou que o Ramnit não representa uma ameaça aos usuários



Um ataque no Facebook roubou dados de login, senha e cookies do navegador de 45 mil usuários do Facebook, principalmente no Reino Unido e na França. O worm, conhecido como Ramnit, também atua como um backdoor, ou seja, permite que os cibercriminosos retomem o controle do computador da vítima sem que sejam notados, segundo o site Read Write Web.

De acordo com o site Huffington Post, o Ramnit foi descoberto em 2010 e foi usado em 2011 para infectar 800 mil computadores para obter acesso remoto a instituições financeiras e penetrar redes corporativas. A suspeita da empresa de segurança Seculert é que os cibercriminosos utilizam essas credenciais para espalhar o worm continuamente pelo Facebook, assumindo a conta do usuário e disseminando os links maliciosos.

O CEO da empresa de segurança Cenzic expressou em nota a preocupação de que o roubo de login e senha dos usuários do Facebook possa levar a uma onda de atividades bancárias online não autorizadas. "Os números de conta bancária e credenciais de login do Facebook parecem muito diferentes, mas para os hackers, eles são tão lucrativos quanto", afirmou ao Huffington Post, já que com essas informações os hackers podem propagar o malware nos murais de milhares de usuários. Outro agravante é o fato de que muitas pessoas utilizam o mesmo login e senha em serviços diferentes.

O Facebook, no entanto, afirmou que o Ramnit não representa uma ameaça aos usuários. Segundo um porta-voz da rede, a companhia tomou conhecimento do malware há uma semana e já trabalha para bloquear o worm

Fonte: Terra, www.terra.com.br