Nova variante de tendinite acomete jovens que mandam muito SMS

Nos Estados Unidos, os pais não fazem a menor idéia de quantas mensagens de texto seus filhos enviam, de acordo com o site Examiner

Um novo distúrbio está afetando os jovens que são viciados em seus celulares. A Tendinite de Envio de SMS em Adolescentes (TTT, Teen Texting Tendonitis em inglês) está se tornando comum por causa do tempo que estão passando com os braços flexionados apertando os botões do celular com seus polegares.

Nos Estados Unidos, os pais não fazem a menor idéia de quantas mensagens de texto seus filhos enviam, de acordo com o site Examiner. Eles só se dão conta do volume quando precisam levar os filhos ao médico e são informados de que o diagnóstico é a TTT.

A TTT nada mais é do que uma dor que atinge os dedos polegares pelo excesso de uso. Após esse primeiro sintoma a dor costuma se espalhar para as costas, pescoço, cotovelo e outros dedos, porque a postura do jovem também fica prejudicada quando eles digitam SMS.

O site Switched cita uma pesquisa constatando que os polegares humanos não foram feitos para o ato de digitar mensagens de texto nos cada vez menores aparelhos celulares.

Nos Estados Unidos já foram registrados casos em que adolescentes chegam a enviar até 41 mil mensagens de texto em apenas um mês. Segundo o site da CNN os jovens estão se ferindo tanto que muitos precisam de cuidados médicos e acabam precisando se submeter à fisioterapia.

Fonte: Último Segundo