Receita de download vai superar a de vendas físicas de games

A EA e suas grandes rivais, Activision e Take-Two Interactive Software, estão enfrentando dificuldades para manter o crescimento de receita.

A receita de download de jogos vai superar as vendas de caixas dentro de poucos anos. Quem disse isso foi ninguém menos que a Electronic Arts, distribuidora de séries populares como ?Battlefield?, ?Star Wars? e ?FIFA Soccer?.



?Vai chegar o momento, talvez dentro de dois ou três anos, em que estaremos faturando mais na mídia digital do que na física?, afirmou o vice-presidente de operações, Peter Moore, mencionando o crescimento na receita digital da EA para 1,3 bilhão de dólares nos 12 últimos meses, parte considerável e crescente dela já obtida com jogos online e para plataformas móveis.

A EA e suas grandes rivais, Activision e Take-Two Interactive Software, estão enfrentando dificuldades para manter o crescimento de receita, à medida que os usuários migram para os jogos casuais e sociais, na Internet e em aparelhos móveis como tablets e celulares. Dúvidas quanto à capacidade das produtoras tradicionais de videogames para concorrer com rivais como a Zynga, que distribui a maioria de seus jogos via Facebook, já começam a rondar a cabeça de acionistas e investidores.

Sinceramete, não sei se a Zynga ainda continua sendo uma boa referência. A empresa vem tendo resultados ruins, com faturamento abaixo do esperado. Semana passada demitiu seu deiretor de operações e ainda soube que terá que enfrentar um processo de plágico movido contra ela pela própria Electronic Arts. A EA acusa a Zynga de ter copiado os elementos originais e distintos de ?The Sims Social? no game ?The Ville?, para o Facebook.

Eu me preocuparia mais com a Rovio. De olho nos últimos IPOs de tecnologia a Rovio segurou sua oferta pública de ações. Só com o Angry Birds a empresa faturou US$ 106 milhões em 2011. Jogos da franquia somaram 1 milhão de downloads, agora, em maio.

Este ano, a Rovio diversificou a atuação: lançou um jogo quebra-cabeças ( o Amazong Alex, que muita gente chegou a dizer que é uma cópia muito melhorada do Incredible Machine), uma versão do Angry Birds para o Facebook (friends.agrybirds.com),baseado em torneios semanais, que irão ocorrer entre segunda-feira e domingo; e uma personagem para meninas, a Pink, que tem nas bolinhas de sabão a sua arma. E ainda vem explorando com sucesso a venda produtos associados aos jogos (camisetas, bonés, bonecos, etc). Essa sim, é uma rival de peso.

Ao contrário de outras produtoras de games de renome, a EA também está otimista quanto ao desenvolvimento de games para o Windows 8 e o Windows Phone 8. ?Estamos trabalhando muito próximo a Microsoft?, afirmou Moore.

Fonte: Uol-idgnow