Site testa e mostra vantagens e desvantagens do iPad 2

Site testa e mostra vantagens e desvantagens do iPad 2

iPad 2 é vendido nos Estados Unidos desde sexta-feira. Aparelho testado é de 32GB

Senhoras e senhores, o novo iPad chegou. À venda nas Apple Stores dos Estados Unidos desde o dia 11 de março passado, o iPad 2 já chegou ao Brasil também. Pelo menos o nosso e de outros brasileiros que foram para os EUA comprar o seu.

O iPad chegou em São Paulo no sábado mesmo, pela manhã. Logo tratamos de tirar da caixa e ver se ele é tudo isso mesmo que andam falando pela internet. As primeiras impressões sobre ele é que a Apple realmente acertou a mão. O tablet é muito mais rápido que seu antecessor, principalmente para navegar pela internet, além de abrir jogos e outros aplicativos também de maneira muito mais ágil. Dá gosto de usar.

A bateria, prometida para ser igual a do iPad original, conseguiu segurar bem, mesmo fazendo streaming de vídeo durante várias horas. Em nossos primeiros testes, conseguimos assistir uma hora e meia de vídeo e gastar apenas 13% da bateria. Excelente. As nossas 10 horas de alegria continuam garantidas.

As câmeras do iPad 2 são razoáveis. A da frente, com qualidade VGA é suficiente para o FaceTime, como é no iPhone 4. A de trás, para vídeo, também dá conta do recado, filmando em 720p.

Mesmo com pouca luz ambiente, conseguimos fazer uma filmagem aceitável. Ainda será necessário mais testes, principalmente em ambientes com bastante e pouca luz para termos certeza de que a Apple não errou a mão na escolha das câmeras.

Entre os acessórios bacanas, a Smart Cover é realmente um show a parte. Ela dobra facilmente e os imãs garantem que ela fica colocada exatamente no lugar certo, sempre. Não conseguimos errar o alvo nenhuma vez. O barulho do "encaixe" pode ser assustador para o usuário mais sensível, mas ela não arranha o alumínio na parte de trás do iPad. O pano de microfibra que fica na parte interna ajuda a manter um pouco a tela do iPad limpa, mas não é perfeita.

A nossa deixou umas marcas das divisões na tela onde estava mais sujo e o pano não conseguia atingi-la. E para montar os pedestais, demorou um pouco para entender o funcionamento, mas foi só assistir ao filme da Apple de novo e tudo se encaixou como deveria. Uma pena que o iPad só fica em duas posições, quase deitado, para digitação, e paisagem para assistir vídeos. Nada de deixar ele em pé, no modo retrato. Para isso, todos os pedestais antigos continuam funcionando normalmente.

Usar o adaptador HDMI para ligar o iPad na TV é muito legal. Tudo bem, já era possível visualizar o conteúdo do iPad em um televisor usando AirPlay (e um Apple TV, claro), mas com o adaptador é muito mais divertido. Além de poder assistir vídeos em streaming (usando o Air Video, por exemplo), também se pode visualizar os jogos, internet, email, tudo que aparece na tela do seu iPad vai para a TV. Finalmente, poderemos fazer apresentações como Steve Jobs, usando todo o potencial do iPad e em alta definição.

Um ponto fraco nesses primeiros momentos com o iPad 2: o conector 30 pinos, por causa do formato arredondado da lateral do gadget, é inclinado, como é no iPod touch. Com isso, fica muito fácil errar o encaixe dos cabos ou mesmo de um dock específico para iPad. Quase arranhamos o nosso tentando colocar o adaptador HDMI. Para os que se preocupam com o estado físico dos seus gadgets, será necessário um pouco de treino e paciência para encaixar os cabos ou o tablet em um dock station.

Veja a seguir um pequeno vídeo mostrando o iPad 2 e outras fotos. Esse texto não é a resenha do iPad 2, mas apenas nossas primeiras impressões. Continue com a gente para descobrirmos tudo que o novo iPad tem a oferecer. E na edição 59 da MAC+, nossa resenha completa. Fizemos um vídeo mostrando algumas das novidades o tablet, que pode ser visto em http://ow.ly/4dXza.

Fonte: Terra, www.terra.com.br