Suporte Windows XP e Office 2003 termina em abril;veja o que muda

Suporte Windows XP e Office 2003 termina em abril;veja o que muda

Windows XP vai ter suporte encerrado em abril

As eras Windows XP e Office 2003, após mais de uma década, irão se encerrar de forma oficial na Microsoft: no próximo dia 8 de abril, a empresa suspenderá todo o suporte dado aos dois softwares. Ou seja, quem ainda os utiliza não terá mais acesso a diversos tipos de serviços oferecidos e atualizá-los.

O que muda é que, a partir da data do fim do suporte, não haverá mais atualizações de seguranças, consertos de falhas e nem auxílio de reparo, gratuito ou pago, online ou offline, providenciado pela Microsoft aos usuários destes dois programas. Segundo a própria empresa, insistir no uso dos softwares após este período pode implicar sérias consequências ao PC doméstico ou da empresa.

?Rodar o Windows XP SP3 e o Office 2003 no seu computador após o fim do suporte pode expor sua máquina a riscos em potencial?, diz o site da fabricante de software.

Este tipo de ciclo é normal nos softwares e natural por diversas razões. Atualmente, há um número reduzido de aparelhos com as versões mais antigas dos programas, foram lançados novos softwares com as mesmas funções e vivemos um incentivo à adoção de produtos novos da Microsoft, como o Windows 8.1.

Anunciado pela fabricante, o fim do suporte ao Windows XP e ao Office 2003 ocorrerá em abril. Porém, houve uma pequena mudança no cronograma: a Microsoft decidiu que o Microsoft Security Essentials continuará dando suporte, apenas antimalware, aos usuários do Windows XP, até 14 de julho de 2015.

O que muda?

Na prática, para o usuário que ainda utiliza o Windows XP e o Office 2003, nada muda. A Microsoft não bloqueia o uso dos sistema operacional e do pacote de softwares. Eles podem continuar sendo utilizados nas mesmas máquinas. As questões envolvidas são apenas "possibilidades", riscos e vulnerabilidades, que não tem 100% de chance de acontecer como vilações de dados e invasões.

O computador não vai travar ou deixar de funcionar caso continue usando o pacote Office de 2003 e o Windows XP. No entanto, eles não serão mais atualizados e poderão, com isso, ficar desprotegidos contra novas ferramentas de invasão. Caso aconteça do seu computador ser invadido, a Microsoft sequer oferece suporte técnico para conserto. Nem mesmo que você queira pagar por isso.

Portanto, a curto prazo talvez possa soar apenas como uma tática da empresa para obrigar o consumidor a atualizar seu PC para uma versão recente do sistema. Entretanto, existem consequências reais e bem graves, a médio/longo prazo, que podem ocorrer em um ambiente sem suporte técnico.

A melhor coisa a se fazer nesse caso é atualizar sua máquina, ou até mesmo adquirir uma nova, tendo em vista que as vendas do Windows XP já se encerraram há quase seis anos, em 2008. Portanto, se você ainda o utiliza, chegou a hora de pensar seriamente numa migração de sistema operacional.

Fonte: G1