Twitter terá anúncios direcionados com base no histórico de navegação

Os testes com o recurso de segmentação foram iniciados em julho

O Twitter anunciou na quinta-feira (5) que começará a mostrar anúncios aos usuários com base em seus históricos de navegação. O recurso permitirá aos anunciantes usarem cookies para mostrar anúncios segmentados. Os testes com o recurso de segmentação foram iniciados em julho.

Na opinião dos analistas de mercado, o recurso pode ajudar as marcas a construírem uma "visão única do cliente" e usar isso para, então, redirecionar seus anúncios em todos os dispositivos. Por exemplo, se um usuário do Twitter visitou o site de um varejista para pesquisar uma compra específica, o varejista poderia, teoricamente, usar o serviço de redirecionamento do Twitter para, em seguida, servir anúncios relevantes em seu dispositivo móvel.

As restrições comuns ao uso de cookies de terceiros para redirecionar anúncios em dispositivos móveis poderiam ser facilmente contornadas pelo Twitter já que os usuários da rede social têm identidade unificada para o serviço, seja no acesso via desktop ou via dispositivos móveis. O que significa que seria simples para a empresa servir os usuários com anúncios relevantes com base no comportamento proveniente de diferentes dispositivos.

Dez parceiros já estão experimentando a ferramenta de segmentação do Twitter: Adara, AdRoll, BlueKai, Chango, DataXu, Dstillery, Lotame, Quantcast, ValueClick e [x+1]. Os anunciantes interessados devem trabalhar com um desses fornecedores.

Entre as marcas que participaram da fase beta para teste do recurso está a HubSpot, que usou a segmentação de Promoted Tweets. De acordo com a rede social, a Hubspot registrou um aumento de 45% no engajamento a partir do retargeting, em comparação com as suas campanhas anteriores.

Fonte: UOL