Temperatura deve aumentar ainda mais em Teresina

Temperatura deve aumentar ainda mais em Teresina

É indiscutível o fato de que elas estão acima da média esperada”, diz meteorologista.

No que depender das previsões para esta semana, o teresinense vai seguir com saudade da chuva. De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), as máximas variam entre 35 e 38ºC até a próxima sexta-feira (28), predominando o sol forte entre poucas nuvens.

Apenas na própria sexta-feira há uma maior chance de pancadas de chuva ? ainda assim muito baixas, da ordem de 7%, segundo a previsão do Inpe.

Enquanto isso, as previsões do site Climatempo mostram que as mínimas não descem abaixo de 23º C (No Inpe, a menor das mínimas é 19º C durante esta semana).

Ou seja, o cenário continuará basicamente o mesmo: os dias já começando muito quentes (a exemplo de domingo, 23), muitas sombrinhas nas ruas e piauienses lamentando nas redes sociais as saudades das chuvas refrescantes. O único alento são os ventos durante a noite, que ajudam a amenizar o calorão.

De acordo com a meteorologista Sônia Feitosa, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, a chegada da primavera (iniciada no último sábado) deve fazer com que as temperaturas aumentem ainda mais.

?A climatologia já prevê temperaturas bastante altas para esse período. Ou seja, é algo típico. Mas é indiscutível o fato de que elas estão acima da média esperada?, disse Sônia.

Mas a esperança ? ainda que tímida - tem um nome: pré-estação. ?É o nome que damos para a época em que começam as primeiras chuvas. Temos três pré-estações distintas ao longo do Estado do Piauí: uma para o Sul, outra para a região mais central e outra para o Norte do Estado. Na região de Teresina, as chuvas de pré-estação devem começar a aparecer a partir da segunda quinzena de outubro?.

No entanto, a meteorologista avisa que até mesmo essas chuvas vão aparecer de forma mais tímida. ?Ou seja, até lá, continuaremos tendo dias de muito sol e calor. No entanto não podemos descartar chuvas ocasionais?, finalizou Sônia Feitosa.

Fonte: Dowglas Lima