""Tenho carinho"", diz taxista que ficou preso em escombros para salvar dois pássaros

""Tenho carinho"", diz taxista que ficou preso em escombros para salvar dois pássaros

Foram mais de 4 horas preso sob os escombros, até que o Corpo de Bombeiros conseguisse resgatar

O taxista Edélson José dos Santos, de 58 anos, arriscou a vida para salvar dois pássaros, em Salvador. Depois de conseguir sair de um prédio prestes a desabar, na terça-feira (13), ele voltou ao local para resgatar os animais e acabou preso nos escombros.

?Agora estou bem, só com dores pelo corpo. Mas na hora não deu tempo de pensar em nada. A casa começou a trincar, eu consegui sair e depois me lembrei dos pássaros. Voltei para pegá-los e, quando vi, já estava preso. Foi uma coisa de segundos. Não achei que ia desabar?, diz Santos ao G1.

Foram mais de 4 horas preso sob os escombros, até que o Corpo de Bombeiros conseguisse resgatar o taxista. No prédio de três andares que desabou, mora um amigo de Santos, dono dos animais.

O taxista e os pássaros passam bem. No desabamento, não houve outros feridos.

?O pássaro não era meu, era do meu amigo. Mas entrei porque defendo os animais. Não queria ver os bichinhos sofrerem?, afirma. Santos é dono de outros dois pássaros de estimação e, até que o amigo consiga um lugar para morar, cuida dos animais que resgatou. ?Tenho muito carinho por eles.?

Fonte: g1, www.g1.com.br