Teresinenses recebem orientação da OAB em praça do Centro

Ofereceu à população orientações sobre direito de família

Teresinenses receberam orientações jurídicas durante todo o dia de ontem (01). Dentro do Dia da Cidadania, realizado pela Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, a população foi beneficiada com vários serviços gratuitos. O evento aconteceu na Praça Rio Branco, no centro de Teresina.

A ação, aberta ao público, ofereceu à população orientações sobre direito de família, previdenciário, trabalhista, relações de consumo, entre outras.

Segundo Girlane Cassiano, presidente da Comissão de Promoção da Cidadania, no dia em que é comemorado o Dia da Cidadania, a OAB convocou toda a sociedade para compartilhar a promoção do exercício de cidadania, a partir do cumprimento dos direitos e deveres sociais.

"Todas as comissões temáticas da OAB-PI estão presentes tirando dúvidas da sociedade", disse a presidente ao frisar que a maioria dos atendimentos estão relacionados a direitos de família, como divórcio, partilha de bens e pensão alimentícia.

O aposentado João Neri conversou com os advogados das comissões para tirar dúvidas e pedir orientação. Ele tem um processo há cerca de um ano na justiça e o juiz ainda não deu vista.

"Quero saber o que fazer, porque estou todo este tempo esperando e não tenho nenhuma resposta. Os advogados disseram que é preciso que eu tenha em mãos o número do processo e o nome do juiz", comenta.

Para Eduarda Miranda, vice-presidente da OAB, através destes serviços, a Ordem traz para a população carente o auxílio necessário. "Por diversos motivos, inclusive dentro do que nós consideramos uma das bandeiras constitucionais, que é a de promoção a cidadania, a OAB está aqui saindo da sede para dizer à população que ela tem como ser socorrida, que ela precisa estar de olho no seu direito, ter acesso à justiça", disse Eduarda Miranda ao comentar que, agora, a sociedade também pode contar com o Cidadão On-line.

Este programa consiste numa ferramenta criada pela Comissão de Promoção a Cidadania para ampliar os atendimentos à população em relação aos serviços jurídicos.

"Hoje a Ordem tem plantões em que os advogados tiram dúvidas, agora este serviço será também online. Basta que o cidadão entre no site, efetue seu cadastro (informando nome,e-mail, CPF e senha) e deixe sua dúvida", acrescentou.

O evento também ofereceu serviço de emissão de carteira de identidade por meio do Instituto de Identificação do Piauí. A dona de casa Daniela da Silva Vasconcelos aproveitou a oportunidade para tirar a carteira de identidade da filha, Anny Gabrielle. "Não pensei que seria tão fácil e rápido. Daqui há um mês vou pegar a carteira dela no Instituto de Identificação", comemora a mãe.

Além do Instituto, a Caixa de Assistência dos Advogados do Piauí (CAAPI) disponibilizou serviços de saúde, como aferição da pressão arterial e análise de diabetes.

Fonte: Aline Damasceno