Terreno no Planalto Uruguai vira lixão a céu aberto

"Tive que mostrar os alimentos e só aí ele se convenceu em não levar", conta uma moradora.

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DESTA QUARTA-FEIRA (22) DO JORNAL MEIO NORTE

Por: Olegário Borges

Um terreno baldio com 20 anos de existência é um verdadeiro lixão a céu aberto no bairro Planalto Uruguai, zona Leste de Teresina. Tomado por lixos dos mais variados tipos, o terreno ainda é tomado por um esgoto a céu aberto que adentra o local e transporta sujeira. O inusitado da situação é que a prefeitura realiza a limpeza mensal do terreno, mas a população volta a sujar o espaço logo após a capina e retirada do lixo. Os moradores da região estão irritados e não sabem o que fazer, posto que a área é esconderijo de assaltantes e o lixo depositado no lugar é bastante fedorento, atraindo urubus, outros decompositores e mosquitos.

"Sou um dos primeiros moradores do Planalto Uruguai e este terreno nunca foi beneficiado. Poderia virar uma praça, um espaço de socialização ou qualquer outra coisa que agregasse valor aos moradores do bairro, mas ao invés disso é um lugar que os marginais usam para se esconder e outras pessoas mal educadas depositam lixo. O fedor é insuportável e a situação só piora. O terreno foi limpo na semana passada, mas hoje já está tomado por sujeira. Nessas horas percebemos que educação é a melhor ferramenta, mais até do que a limpeza", relata o morador aposentado Pedro Pires.

Outros moradores reclamam das condições de segurança do bairro. Os habitantes do Planalto Uruguai vivem em uma situação de paranoia e sentem medo de sair de casa. Atividades comuns, como conversar na calçada ao cair da noite, já não são mais uma realidade no conjunto habitacional. "Aqui está cheio de ladrão. Não pode andar na rua com celular que os marginais levam tudo. Uma vez estava voltando do supermercado com uma sacola de compras e queriam levar. Tive que mostrar os alimentos e só aí ele se convenceu em não levar", conta uma moradora.

Fonte: Olegário Borges