TJ-PI define lista tríplice para a vaga de juiz substituto do TRE

Com a conclusão do processo, as indicações serão encaminhadas a presidente Dilma Rousseff, que possui a incumbência de definir quem assumirá o posto.

Em sessão plenária, a Corte do Tribunal de Justiça do Piauí escolheu a lista tríplice com o nome dos advogados que estão na disputa pela vaga de juiz substituto do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI). Com a conclusão do processo, as indicações serão encaminhadas a presidente Dilma Rousseff, que possui a incumbência de definir quem assumirá o posto.

A votação foi bastante acirrada, tendo em vista que Astrogildo Mendes de Assunção Filho e Daniel Mourão Guimarães ficaram com 13 votos cada, o terceiro lugar coube ao advogado Alexandre de Almeida Ramos, que angariou 9 votos.

Ainda receberam votos, Cleanto Jales, José Acélio Correia e Antônio Gonçalves Honório.

O posto destinado aos advogados ficou aberto após a efetivação de José Wilson Ferreira de Araújo Júnior como juiz titular. Neste sentido, vale destacar que a composição do TRE se dá com dois desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado, de dois juízes de Direito, de um juiz do Tribunal Regional Federal e de dois juízes escolhidos dentre três advogados. Já o presidente e o vice-presidente são eleitos dentre os desembargadores oriundos do Tribunal de Justiça. O nome escolhido, assim como ocorre com os demais integrantes do pleno do TRE, tanto juízes efetivos, quanto substitutos, a categoria jurista não recebe um salário para ocupar tal cargo, mas sim um valor fixo por participação em cada sessão plenária.

Clique e curta Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Ananias Ribeiro e Francy Teixeira