Transexual mostra sua transformação para inspirar as pessoas

As fotos aqui publicadas ilustram algumas das batalhas enfrentadas

Aos 23 anos, Liam Klenk enfim encontrou-se com a identidade que de fato empunhava em seu coração e sua cabeça, mas que seu corpo insistia em contrariar – quando enfim realizou a cirurgia de mudança de gênero. Hoje casado e vivendo em Zurique, na Suíça, Liam é um homem feliz e realizado, e as durezas de seu caminho – e foram muitas – ele conta no livro “Not Just Transgender” (Não somente transgênero).

As fotos aqui publicadas ilustram algumas das batalhas enfrentadas por Liam – e servem de inspiração para todos que estiverem por aí enfrentando dilema semelhante. Liam admite que pensou muitas vezes em suicídio, “mas fico feliz de jamais ter pulado. Não é somente um clichê: sempre há uma saída. E a vida é realmente linda justamente por sermos capazes de superar as montanhas que que se afirmam diante de nós. Temos a força para supera-las sempre que precisarmos. E, no caminho, em nossa jornada, podemos descobrir momentos de felicidade absoluta que jamais encontraríamos de outra forma”, ele escreve.

Em 2005 Liam enfim foi oficialmente reconhecido como homem.

1972 – Primeiro aniversário com sua mãe
1972 – Primeiro aniversário com sua mãe
1995 – Ainda preso, um mês antes da cirurgia
1995 – Ainda preso, um mês antes da cirurgia
1973 – Um menino preso em um corpo de menina
1973 – Um menino preso em um corpo de menina
2009 – Mergulhando no México
2009 – Mergulhando no México
1985 – Com a avó
1985 – Com a avó
2008 – Viajando
2008 – Viajando
2004 – Estudando ciências naturais
2004 – Estudando ciências naturais
1978 – Retrato na escola
1978 – Retrato na escola
2016 – Sendo quem sempre foi: Liam
2016 – Sendo quem sempre foi: Liam
2006 – Feliz na água
2006 – Feliz na água
2002 – De terno e chapéu
2002 – De terno e chapéu
1990 – Formatura da escola
1990 – Formatura da escola
2013 – Se formando em Hong Kong
2013 – Se formando em Hong Kong
2001 – Em Zurique
2001 – Em Zurique
1998 – Os tempos intermediários
1998 – Os tempos intermediários
1982 – Em casa
1982 – Em casa
Fonte: Com informações do Hypeness