Turistas vandalizam uma pedra e são "pichados" pela população em praia

Turistas vandalizam uma pedra e são "pichados" pela população em praia

Eles pintaram ‘ABC’ em uma grande rocha que fica na praia

Dois turistas tiveram seus corpos "pichados" por banhistas em Guarujá, no litoral de São Paulo, após vandalizarem uma grande pedra na comunidade Prainha Branca. Eles pintaram na rocha a sigla "ABC", uma referência ao local de onde o casal seria, de acordo com declarações de testemunhas do incidente. Segundo a polícia, nenhum boletim de ocorrência foi registrado.

O caso ocorreu no domingo (20) de Páscoa. O casal chegou no local e começou a usar tinta branca para pintar uma grande rocha. ?Quando você chega à Prainha Branca, no lado direito existe uma enorme pedra que fica localizada em uma ilha, no meio do mar, à qual você tem acesso apenas por trilha e quando a maré está baixa. Essas duas pessoas subiram nessa rocha e pintaram as letras ABC?, afirma a analista de marketing Verônica Martins.

A estudante Cassia Lins afirma que alguns garotos que estavam em um campo de futebol viram uma mancha branca na pedra e, ao olhar novamente para o local, após alguns minutos, notaram que a pedra estava vandalizada. "Eles estavam de um ponto onde dá para ver perfeitamente a ilha onde a pedra fica. Eles correram até lá e pegaram o casal", diz.

Após terem testemunhado a atitude dos turistas, revoltados, os banhistas abordaram os dois e, com uma tinta preta, "picharam" os corpos deles. ?Expulsaram os dois da ilha no meio do feriado. Não foi um ato de violência, mas infelizmente não poderíamos deixar passar batido. Foi uma vergonha para eles, porém, seria pior ainda para os amantes da praia terem que olhar para aquela paisagem maravilhosa e não poderem tirar uma foto, porque está pichada?, declara Verônica.

A Polícia Civil afirma que tomou conhecimento do caso, porém, nenhum boletim de ocorrência foi registrado, nem por parte dos banhistas nem pelos turistas. Em casos como esse, a polícia orienta os munícipes a não tomarem nenhuma atitude e comunicar as autoridades para que sejam tomadas providências cabíveis.

Fonte: G1