UnB é 1ª do País a oferecer disciplina que ensina como produzir cerveja

A lista de espera da matéria teve 186 alunos de cursos variados

A UnB (Universidade de Brasília) inovou ao oferecer aos seus estudantes uma disciplina dedicada ao mercado cervejeiro e aos métodos utilizados na produção da bebida. A matéria Fundamentos da Produção da Cerveja, ministrada pela professora Grace Ghesti, foi incluída na grade no primeiro semestre deste ano e a alta procura surpreendeu à docente. A UnB é a primeira universidade do País a oferecer esta disciplina. Foram abertas 26 vagas, todas ocupadas, e a lista de espera teve 186 alunos.


UnB é primeira universidade do País a oferecer disciplina que ensina a produzir cerveja

A disciplina, de quatro créditos, ou seja, quatro horas semanais, era aberta optativa para estudantes de Química e foi considerada modo livre para os demais cursos. Com o sucesso, Grace Ghesti, idealizadora do curso, confirmou a presença da matéria no próximo semestre, porém, exclusivamente para alunos dos cursos de Química e Biotecnologia. Ela afirmou que ficou surpresa com a procura e se divertiu com as brincadeiras dos alunos.

? Os estudantes ficaram entusiasmados, acharam uma matéria inusitada. Outros disseram que era a matéria dos sonhos. Procuro não me dedicar unicamente à produção da cerveja, também mostro como funciona a indústria do setor.

As abordagens são: a história da cerveja, conceitos básicos de matérias-primas como cevada, malte e lúpulo, fermentação e filtração destes produtos, além do âmbito comercial que envolve a bebida. Outros aspectos como estocagem, tipos de embalagens, diferença entre cerveja e chope e diferenças entre os tipos de cerveja também foram ensinados. Os alunos realizam análises do produto por meio do paladar, olfato e visão.

Durante o semestre, os alunos passaram por duas provas escritas, aulas práticas de preparo da cerveja, além da arte mais aguardada por alguns: a análise sensorial, que significa a degustação dos produtos. Para Grace, a inclusão da disciplina foi feita pela universidade devido à parte prática relacionada aos procesos utilizados na Química ensinados ao longo do semestre.

O aluno do oitavo semestre de química, Lourenço Pinheiro, acreditava que muitos alunos pretendiam cursar a disciplina apenas para ganhar os créditos. Ele, que produz cerveja há três anos ficou surpreso com a ausência de brincadeiras e com a dedicação da turma que cursou a matéria. Ele destacou a importância do conhecimento industrial na área, pois para ele o fato de produzir cerveja não é o suficiente para obter sucesso na área.

? Todos os grupos conseguiram produzir cerveja. E mais, entregaram os relatórios exigidos pela professora. Mesmo que não tinha a obrigação de entregar o trabalho mostrou interesse e participou da atividade.

Grace também destacou o uso de técnicas e conceitos utilizados na fabricação da cerveja. Os conceitos químicos ensinados podem ser utilizados pelos alunos em processos parecidos em outros setores. A professora é formada em química pela UnB e já trabalhou em uma grande cervejaria. Na época ela chegou a fazer cursos em Berlim relacionados com a produção da bebida e há quatro anos dá aula na universidade.

Fonte: r7