Uso de capa automotiva protege mesmo a pintura? Veja a resposta

É indicado evitar usas capas em carros recém-pintados.

?A capa não deve ser colocada se estiver com a parte interna molhada, se o veículo estiver com o motor quente ou se ele estiver molhado, por exemplo. O material é impermeável, portanto, não deixa a água penetrar e, em caso de mau uso, também não deixa a água sair. É isso que pode causar manchas?, explica Valéria Rosa, gerente de vendas da Bezi Indústria e Comércio.



É indicado evitar usas capas em carros recém-pintados. Para Daniel Correia, assistente da oficina SP Center Car, o uso prolongado da proteção pode, sim, manchar a pintura. ?Em dias muito quentes, a capa acaba atuando como uma estufa. Por causa disso, o verniz acaba perdendo o brilho com o tempo. Uma boa alternativa é deixar o carro sem ela ao longo do dia? Para cobrir a mancha, o assistente garante que o polimento é suficiente.

Correia também comenta que o uso de capas em garagem coberta, para evitar acúmulo de poeira, não afeta a pintura. O mercado oferece uma série de opções, que começam com materiais permeáveis, passam por películas externas impermeáveis e chegam a opções requintadas, com sistema de ventilação e de ancoragem e nove camadas de material para proteção. A faixa de preços pode variar entre R$ 40 e R$ 230, dependendo do modelo e de suas medidas.

Fonte: Auto Esporte