Voo atrasa após passageiros descobrirem que pilotos são mulheres

Mulheres pilotam aviões da American desde 1986

O voo 909 da American Airlines estava marcado para sair às 20hs de segunda-feira, de Miami para Buenos Aires, mas só pode de fato decolar com uma hora e meia de atraso. O motivo? Sete passageiros decidiram descer da aeronave ao descobrirem que o avião era pilotado por duas mulheres.

Como se não bastasse o ultrajante gesto, o processo de desembarcar passageiros com o avião na pista não é simples ou rápido, pois envolve desembarcar também a bagagem – e por isso o longo atraso. Passado o desembarque, o voo procedeu normalmente até o aeroporto de Ezeiza, na capital argentina.

Segundo a Sociedade Internacional de Mulheres Pilotos de Companhias Aérea, das 130 mil pessoas que pilotam aviões pelo mundo, somente 4 mil são mulheres. Dessas, estima-se que cerca de 450 trabalhem em grandes companhias, principalmente em empresas americanas.

Mulheres pilotam aviões da American desde 1986, e o número de mulheres piloto segue crescendo, como tem de ser. Para manter o velho pensamento machista e autoritário, será preciso realmente descer do avião – pois o atraso machista, que já dura muito mais do que uma hora e meia, não mais passará.


Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Hypeness