Voos da Gol sofrem atrasos em aeroportos de RJ, SP, DF e MG

Voos da Gol sofrem atrasos em aeroportos de RJ, SP, DF e MG

Às 13h, 149 dos 208 voos da Gol estavam atrasados no país. Gol afirmou que malha foi impactada por problemas em São Paulo e Rio.

O mau tempo e as chuvas que atingiram na última quinta-feira (5) o Rio e São Paulo causaram atrasos e cancelamentos nos voos da companhia aérea Gol nos aeroportos das duas cidades, na manhã deste sábado (7). Dados da Infraero indicavam, às 13h, que 149 dos 208 voos da Gol estavam atrasados em todo o país.

Em nota, a Gol informou que ?os aeroportos de Congonhas, Guarulhos, Viracopos, Galeão e Santos Dumont apresentaram condições inadequadas para pousos e decolagens e diversos voos da companhia em toda a sua malha foram impactados ocasionando atrasos e cancelamentos?.

?Esses atrasos também tiveram reflexo no limite da jornada de trabalho e descanso de algumas tripulações que tiveram suas cargas horárias vencidas pela regulamentação da categoria gerando impacto nas nossas operações até este sábado (7)?, diz a nota.

Segundo Infraero, às 13h, 31% dos voos do Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, estavam atrasados. Dos 122 voos previstos, 38 apresentavam atrasos no horário.

Já no Aeroporto de Congonhas, 15,6% dos voos estavam atrasados às 13h, ou 14 dos 90 voos previstos. Dois voos também foram cancelados na manhã deste sábado no aeroporto da Zona Sul de São Paulo.

Em Brasília, 37% dos voos também apresentavam atraso. As filas eram longas no aeroporto internacional da capital federal.

Em Minas Gerais, de acordo com a assessoria da Infraero, quatro voos da companhia aérea Gol que deveriam sair do Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins (MG), estavam atrasados na manhã deste sábado.

Entre os destinos, segundo a Infraero, estavam dois voos de Confins para Porto Seguro, um para Guarulhos e outro para Salvador. Houve o cancelamento de um voo para São Paulo, que estava marcado para sair de Confins às 9h13.

Veja íntegra da nota da Gol:

"A GOL informa que devido às fortes chuvas que atingiram o eixo Rio- São Paulo na noite do dia 5, os aeroportos de Congonhas, Guarulhos, Viracopos, Galeão e Santos Dumont apresentaram condições inadequadas para pousos e decolagens e diversos voos da companhia em toda a sua malha foram impactados ocasionando atrasos e cancelamentos em sua malha. Esses atrasos também tiveram reflexo no limite da jornada de trabalho e descanso de algumas tripulações que tiveram suas cargas horárias vencidas pela regulamentação da categoria gerando impacto nas nossas operações até este sábado (7).

A GOL julga importante esclarecer que está trabalhando para a normalização de sua operação ao longo do dia de hoje e que eventuais alterações nos horários e trajetos de voos são procedimentos, ainda que indesejados, às vezes necessários às operações aéreas. É prioridade da companhia reacomodar seus clientes em outros voos e assisti-los da melhor forma possível, dentro do que determina a legislação vigente.

A companhia lamenta pelo desconforto causado aos passageiros, mas ressalta que a segurança de seus clientes e colaboradores é item prioritário em sua política de gestão."

Fonte: G1