Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Acesse a versão para celular

Garoto de 14 anos é morto ao ser confundido com o irmão em Teresina

O irmã da vítima, alvo dos criminosos, já foi apreendido.

Compartilhe
Google Whatsapp

Um adolescente identificado como Matheus Barbosa Pereira, de apenas 14 anos, foi assassinado com tiro na cabeça por volta das 21h30 de quinta-feira (23) no bairro Porto-Centro, região do Satélite, zona Leste de Teresina. O alvo dos criminosos era o irmão da vítima, de 17 anos, que já foi apreendido pela polícia por roubo.

De acordo com o coordenador da Delegacia de Homicídios, delegado Francisco Costa, o 'Bareta', familiares relataram que dois criminosos chegaram a residência da família onde o adolescente morava, adentraram pelo portão, sendo que um deles estava armado.

“Os familiares compareceram aqui na Delegacia de Homicídios dando conta de que ontem, por volta das 21h30, indivíduos invadiram a casa procurando o filho. Armados de pistola, efetuaram disparos que atingiram o filho deles. Ele foi alvejado com disparo na cabeça. Foi levado para o hospital, transferido ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT), mas não resistiu e morreu”, afirmou.

Matheus Barbosa Pereira (Crédito: Arquivo Pessoal)
Matheus Barbosa Pereira (Crédito: Arquivo Pessoal)

A mãe de Matheus, percebendo a ação, travou luta corporal com o suspeito que estava armado. A mulher foi atingida com uma coronhada na cabeça, caiu no chão e foi ameaçada de morte. 

Em seguida, o indivíduo armado começou a efetuar disparos em direção às pessoas que estavam na casa. Um dos tiros atingiu Matheus. 

Uma tia da vítima, que prefere não se identificar, conta que Matheus foi morto no lugar do irmão. “Eles [suspeitos] vieram atrás do meu outro sobrinho [irmão da vítima] e acabou que atingiram ele”, disse, ao acrescentar que o sobrinho que era alvo dos criminosos já tem passagem pela polícia: “Ele já foi preso”.

“Chegaram aqui invadindo a casa e dizendo para ninguém correr. Minha irmã lutou com um deles e levou uma coronhada na cabeça”, contou.

O corpo está no Instituto Médico Legal (IML), onde passa por exames. A família aguarda a liberação e vive um momento de muita aflição.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Carregar os comentários (0)

comentários

fechar comentários
Nenhum comentário feito até o momento

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto