Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Acesse a versão para celular

Silas Freire cobra nomeação de servidores do INSS

Deputado federal esteve reunido com o presidente nacional do INSS

Silas Freire cobra nomeação de servidores do INSS
Silas Freire cobra nomeação de servidores do INSS | Reprodução
Compartilhe
Google Whatsapp

O deputado federal Silas Freire (PR) esteve reunido com o diretor presidente do Instituto Nacional de Seguridade Social no Brasil- INSS , Leonardo Melo, para tratar da deficiência dos números de servidores do órgão no Brasil, em especial no Piauí, e cobrar a convocação de aprovados no concurso público para o INSS realizado em 2015.

Segundo o parlamentar, o deficit de servidores é muito grande e está prejudicando a população, “A carência de pessoal para atendimento no INSS é enorme, por isso, fomos cobrar o chamamento dos aprovados do último concurso de 2015. Foram aprovados cerca de 950 candidatos e até agora foram chamados 450, faltando então 500 pessoas que poderiam estar na ativa.”, argumentou.

Silas Freire em audiência com o presidente nacional do INSS (Crédito: Reprodução)
Silas Freire em audiência com o presidente nacional do INSS (Crédito: Reprodução)

Como resultado, o diretor Leonardo Melo comunicou entrou em contato com o Ministério do Planejamento para que os 500 aprovados restantes possam ser nomeados pelo menos até o final do primeiro semestre deste ano, como também a prorrogação do concurso para mais 2 anos, conforme o pedido do deputado Silas Freire.

Na oportunidade, o diretor do INSS informou ainda que um terço dos servidores estão se aposentando e que existem agências que não estão funcionando por falta de pessoal. Por isso, a conclusão foi de que chamar apenas os 500 que faltam do último concurso não resolverá o deficit, que chega a 3 mil e 700 servidores.

“O diretor Leonardo Melo pediu nosso apoio político para que além dos 500 aprovados, sejam chamados também o excedente do mesmo concurso. Não existe na Lei de Diretrizes Orçamentárias- LDO, a previsão para novo concurso na previdência, por isso, vamos lutar para concretizar este chamamento dos excedentes, pois o quadro de servidores é realmente insuficiente.”, explicou Silas Freire.

Em defesa dos concursados

É oportuno ressaltar que o deputado Silas Freire já entrou em defesa dos concursados anteriormente em favor dos aprovados da Eletrobrás em 2014 e, inclusive, esteve em audiência com o diretor nacional da Eletrobrás, José da Costa, além de ter pressionado de todas as formas possíveis para que os aprovados fossem nomeados. 


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Carregar os comentários (0)

comentários

fechar comentários
Nenhum comentário feito até o momento

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto