Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Milena Pamela nega namoro com traficante de drogas

A entrevistada do Baphon desta quarta-feira (04/12) foi a empresária e digital influencer Milena Pamela. A blogueira, que também é formada em Psicologia, possui 155 mil seguidores no seu Instagram onde compartilha a sua rotina com dicas de moda, treinos e viagens e se tornou um grande sucesso com seu jeito espontâneo e divertido de ser. 

Confira a entrevista completa: 

- Você possui 155 mil seguidores no seu Instagram e lá você joga seu corpo à mostra. Seu marido tem ciúmes? 

Ele não tem ciúmes, ele manda é eu mostrar, faz é tirar a foto. Estamos juntos há 12 anos e existe confiança. 

Crédito: Reprodução/Instagram

- Como surgiu a Milena Pamela blogueira? 

Primeiro surgiu a Milena Pamela sacoleira, eu tenho uma história com Facebook já que foi lá que eu comecei, tanto que a minha conta tem 85 mil pessoas que me acompanham. Eles acabaram migrando para o Instagram e nos Stories eu comecei a mostrar mais um pouco do meu jeito pessoal, isso chamou muita atenção das pessoas pelo fato de ser bem doidinha, as pessoas foram chegando e ficando. 

- Você acha que esse seu jeito de repente ajudou para conquistar tanto espaço e público? 

Sim, porém eu acho que no começo foi muito difícil. Você se expõe nas redes sociais, recebe mensagens negativas, porque no início as pessoas não lhe conhecem, acha que você é mal educada e eu tenho certeza que ninguém gosta de receber mensagem negativa. Se você não for preparada você internaliza e fica doido. Mas agora está tudo bem, eu respondo mesmo, tiro satisfação, quem toma cafe sem açúcar de manhã está preparado para tudo.

Crédito: Portal Meio Norte

- Você ganha dinheiro com as suas postagens?

Ganho mas a minha prioridade é minha empresa, eu ganho um extra como influencer, porém o meu foco é a minha empresa, porque eu acredito que tudo que eu construi na vida foi de lá e eu não quero trabalhar para ninguém.

- O pessoal comenta que você não usa roupas de outras lojas, apenas da sua. É verdade? 

90% das roupas que eu uso são minhas, porque eu tenho que provar para o cliente que eu estou vendendo algo bom e os outros 10% eu compro na Riachuelo e na Renner. 

- Qual é a real treta entre você e Rafa Britto? 

Eu não posso dizer que eu sou amiga e nem inimiga dela, onde ela passa eu não falo, é normal. A questão da Casa de Verão é o que todo mundo pergunta, eu vi que a gente já não se cheirava muito bem, o santo não bateu, então eu comecei a evitar, porque eu não sei aparecer nos Stories do lado da pessoa se eu não tenho intimidade. Eu estava na piscina e ela falou para mim que as pessoas estavam mandando mensagem para ela perguntando se tinha alguma treta comigo, eu disse que ela tinhas os seguidores dela que gostavam dela e os meus que gostavam de mim pelo meu jeito, então eu não tinha que ficar me justificando se eu tinha treta ou não com ninguém.

Crédito: Reprodução/Instagram

- Você convidaria ela para um aniversário seu?

Claro que não convidaria.  

- Como foi sua participação como repórter na segunda edição da Casa de Verão? 

No início eu fiquei muito nervosa, inclusive no primeiro dia do ao vivo eu fiquei perdida, mas eu gostei muito, foi um grande desafio.  

- Você toparia participar do BBB20?

Eu até toparia porque queria ganhar o prêmio, porém eu sou muito dividida entre tudo que eu construi e ter uma carreira de Ex-BBB, eu sou cansada, não aguento ficar em festas até de manhã.

- Essa semana rolou uma fofoca que você fez uma confraternização e uma amiga sua não foi convidada. Vocês continuam amigas? 

Eu acredito que as pessoas gostam muito de tomar conta da vida alheia, acham que como eu estou no Instagram eu tenho que dar satisfação. Se um dia eu deixar de falar com alguém eu não tenho que ir no Instagram dar uma nota de esclarecimento, houve contratempos sim e as pessoas começaram a especular algo. Se eu me distanciar de alguém o problema é meu.

- É verdade a história que você já namorou um traficante de drogas? 

Eu nunca namorei um traficante de drogas. Meu único namorado foi o Edinho, eu comecei a namorar com ele com 14 anos. O fato é que as pessoas não aceitam uma pessoa crescer, vir debaixo na base de muito trabalho e ganhar dinheiro honestamente, já falaram que eu sou garota de programa, que meu marido é isso ou aquilo, se quiserem investigar minha vida está aberta, comecem pelas minhas lojas.

Crédito: Reprodução/Instagram

- Você já pegou mulher? 

Nada contra, mas nunca peguei. 

- Existem histórias de outras empresárias que falam de você. Tem umas que falam que você cresceu muito rápido. Você tem alguma rixa com elas? 

Briga eu não tenho, mas eu não vou mentir que existem pessoas que não me descem, essas pessoas deveriam se inspirar em mim para melhorar. 

- Você recebe muitas críticas a respeito da aparência do seu marido? 

Feio ele não é, só precisa de uma rinoplastia. 

Crédito: Reprodução/Instagram

- Como é sua relação com Deus? 

Deus está em todas as religiões, eu frequento tanto a igreja católica como a igreja evangélica e me sinto bem, escuto meus louvores. Inclusive eu sou questionada quando escuto porque as pessoas perguntam se eu sou evangélica só que a minha conexão com Deus é muito grande porque tudo que eu faço ele está do meu lado. 

- Muitas pessoas falam que você sustenta sua mãe e ela não trabalha. É verdade? 

É mentira, minha mãe trabalha na minha loja, é funcionária como as outras pessoas. A gente tem que saber diferenciar família e trabalho e dentro de casa eu ajudo sim. A minha mãe sofreu muito no nosso passado, ela criou a gente sozinha, porque hoje eu tendo condições não vou ajudar minha casa? 

- Você está rica? 

O povo fala, mas não sei não. A prestação do Audi é cara. 

Crédito: Reprodução/Instagram

- Como surgiu essa história de ‘ordinários’? 

Isso é uma palavra que eu sempre chamei minhas amigas na faculdade e um belo dia eu estava em uma live, o Edinho passou e eu falei: ‘Ei ordinário’, e todo mundo tomou um susto porque eu chamei ele assim, começaram a dizer que eu não amava ele, que a gente estava juntos por interesse, e depois disso pegou esse bordão.

- Você se considera uma celebridade? 

Me considero conhecida, quem quiser me seguir é @milenapamela_ddc , mas esteja preparado porque o baque é forte.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se