Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros
Blog do Plant

Em vídeo antigo, Damares diz que holandeses masturbam crianças e gera polêmica no país

Em vídeo antigo, Damares diz que holandeses masturbam crianças e gera polêmica no país
Em vídeo antigo, Damares diz que holandeses masturbam crianças e gera polêmica no país | internet

Mais um vídeo antigo da atual ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, está gerando polêmica por seu conteúdo. Desta vez, no entanto, o burburinho chegou à Holanda.

Em uma gravação de uma palestra em 2013, a pastora Damares diz que, na Holanda, é distribuída uma cartilha que ensina os pais a masturbarem seus filhos pequenos e que especialistas defendem a manipulação dos órgãos genitais de crianças a partir de 7 meses de idade.

“Na Holanda, esses especialistas, esses homens que são grandes especialistas, que fizeram não sei quantas universidades, eles ensinam que o menino tem que ser masturbado com 7 meses de idade para que, quando ele chegar na fase adulta, ele possa ser um homem saudável sexualmente, e a menina tem que ter a vagina manipulada desde cedo para que ela tenha prazer na fase adulta, e essa prefeita fez isso”, afirma Damares.

Veja o video :

https://www.youtube.com/watch?time_continue=26&v=b42XDryY-RQ

“Lá na Holanda eles estão até distribuindo uma cartilha ensinando os pais como massagear sexualmente as suas crianças”, completa, no vídeo, que parece ter sido gravado durante uma pregação.

A gravação foi recebida com espanto pela imprensa e por internautas holandeses. O jornal de maior circulação no país, De Telegraaf, publicou uma reportagem na última quinta-feira (24) com o título: “Ministra brasileira conta fábulas sexuais sobre a Holanda”.

© Reprodução

 A reportagem disse ter entrado em contato com a assessoria de Damares para falar com a ministra sobre os comentários feitos seis anos atrás, mas não obteve resposta.

O site do canal de notícias RTL Nieuws também publicou uma matéria sobre o vídeo, sob o título “Ministra brasileira: especialistas holandeses recomendam satisfação sexual de bebês”.

Outros vídeos de Damares

Esta não é a primeira vez que um vídeo com declarações de Damares Alves causa polêmica.

Em uma outra gravação de 2013, a hoje ministra lamenta que a igreja evangélica tenha perdido espaço para a ciência na educação das crianças.

“Nós perdemos o espaço na ciência quando nós deixamos a teoria da evolução entrar nas escolas, quando nós não questionamos. Quando nós não fomos ocupar a ciência. A igreja evangélica deixou a ciência para lá e ‘vamos deixar a ciência sozinha, caminhando sozinha’. E aí cientistas tomaram conta dessa área”, diz Damares no vídeo.

Outra gravação polêmica - esta atual, registrada logo após a sua posse como ministra - mostra Damares afirmando que o País inicia uma “nova era” com o governo Jair Bolsonaro (PSL). 

″É uma nova era no Brasil. Menino veste azul e menina veste rosa”, diz a ministra em um momento particular, cercada de apoiadores que a aplaudem. 

Ao jornal O Estado de S. Paulo, a ministra disse que seu objetivo foi fazer uma declaração contra a “ideologia de gênero”. “Fiz uma metáfora contra a ideologia de gênero, mas meninos e meninas podem vestir azul, rosa, colorido, enfim, da forma que se sentirem melhores”, declarou


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×