Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Greve da PM: 21 mortes em Salvador e RMS em apenas 1 dia

Greve da PM: 21 mortes em Salvador e RMS em apenas 1 dia

Greve da PM: 21 mortes em Salvador e RMS em apenas 1 dia
Presidente assinou o decreto de GLO, autorizando o emprego das Forças Armadas na segurança pública da Bahia Divulgação | arquivo internet

Apenas na quarta-feira (16), a Secretaria de Segurança Pública registrou 21 mortes na capital baiana e RMS (região metropolitana de Salvador) durante a greve da Polícia Militar. Entre as 6h até as 24h de ontem foram contabilizadas, ainda, quatro tentativas de homicídio.

Todas as vítimas são do sexo masculino. Os homicídios ocorreram em Massaranduba, Cajazeiras VI, Arraial do Retiro, Lapinha, Valéria, Praia Grande, São Bartolomeu, Cidade Nova, Periperi, Lobato e quatro em Paripe. Na RMS foram registrados os assassinatos em São Francisco do Conde, Camaçari, Vila de Abrantes, e quatro em Lauro de Freitas.

Já as tentativas de homicídio ocorreram em Narandiba, Pero Vaz, Vasco da Gama e Caixa D"Água. Dos quatro casos registrados, três vítimas são adolescentes.

Os policiais militares anunciaram a greve na noite de terça-feira (15), em assembleia geral realizada no Wet"n Wild, na avenida Paralela, em Salvador. Na quarta-feira (16), o TJ-BA (Tribunal de Justiça da Bahia) decretou a ilegalidade da greve da Polícia Militar.

A Justiça acolheu pedido pelo Ministério Público do Estado da Bahia em uma ação cautelar ajuizada pelo procurador-geral de Justiça Márcio José Cordeiro Fahel contra o governador da Bahia, Jaques Wagner, e seis associações representativas dos policiais militares: a Aspra (Associação de Policiais e Bombeiros e de Seus Familiares), APPM-BA (Associação de Praças da Polícia Militar da Bahia), AOPM-BA Força Invicta (Associação dos Oficiais da Polícia Militar da Bahia), AOAPM-BA (Associação dos Oficiais Auxiliares da Polícia Militar), ABSSO-BA (Associação dos Subtenentes, Sargentos e Oficiais da Polícia Militar da Bahia) e a Associação dos Bombeiros Militares da Bahia ? Associação Dois de Julho.

A presidente Dilma Rousseff assinou o decreto de GLO (Garantia da Lei e da Ordem) autorizando o emprego das Forças Armadas na segurança pública na Bahia. As operações de GLO conferem aos militares condições de patrulha, vistoria e prisão em flagrante. Efetivo das tropas federais já começou a desembarcar na Base Aérea de Salvador.

De acordo com o governo, tropas do Exército já patrulham as ruas em Salvador e Ilhéus, no Sul do Estado, e estão prontas para atuar em Feira de Santana, Paulo Afonso, na região Nordeste, e Barreiras, no Oeste baiano.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar