Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Com 76 títulos de 13 países, 11º. Cinefoot traz número recorde filmes

Com 76 títulos de 13 países, 11º. Cinefoot traz número recorde filmes
50 Anos do Tri | Divulgação

50 Anos do Tri

O CINEFOOT, único festival de cinema de futebol do Brasil e pioneiro na América Latina, confirma a realização da 11a edição de 20 a 27 de novembro, no formato online, com acesso inteiramente gratuito para todo o território brasileiro, na plataforma INNSAEI.TV.

Mesmo tocando a bola em condições adversas em tempos de pandemia, o CINEFOOT segue virando o jogo e entra em campo para anunciar a relação de convocados para as mostras competitivas e informativas especiais que irão compor esta edição número 11.

Dos 76 títulos que integram a programação geral, 59 filmes são brasileiros e 17 internacionais oriundos da Argentina, França, Itália, Peru, Colômbia, México, Uruguai, África do Sul, República Tcheca, Portugal e uma coprodução Alemanha/Palestina. Há filmes brasileiros representantes de todas as regiões do país.

Serão 38 horas de conteúdo fílmico distribuídos por 31 sessões, que permanecerão disponíveis por um período extra após a estreia, podendo variar de dois até seis dias para visualização, conforme a mostra na qual o filme participa. 

O México, anfitrião da Copa do Mundo de 1970, e a República Tcheca, que celebra o centenário das relações diplomáticas com o Brasil, são os países homenageados em 2020.

Desde ano passado, o Cinefoot introduziu uma sessão especial para o formato seriado. Em 2020, teremos a estreia da série baiana “DONAS DO BABA”, direção de Tais Bichara e Rodrigo Luna. A série documental traz histórias e rotinas de mulheres com diferentes relações com o futebol. “Baba” é uma expressão popular baiana que se refere a uma partida informal.

Além das exibições, a programação do Cinefoot apresenta atividades paralelas com a consagrada Mesa-Redonda, que reúne bate-papos com convidados comandados pelo Museu do Futebol, LEME/UERJ-Laboratório de Estudos em Mídia e Esporte, Ludopédio e Centro de Artes UFF-Universidade Federal Fluminense.

FILME ARGENTINO NA SESSÃO DE ABERTURA

20/11 (SEX), 20H30.

LOTECA (Prode)

Dir. Mauro Beccaría

Doc, 63 min, Argentina.

Em 6 de maio de 1984, o time de futebol Racing de Córdoba sai para jogar com motivação extra: se ganharem do Ferro, seus jogadores vencerão o PRODE, a loteria dos resultados esportivos que eclipsaram os argentinos nos anos 70 e 80. Ganhar os 2 milhões de dólares da loteria depende deles.

FILME ITALIANO NA SESSÃO DE ENCERRAMENTO

27/11 (SEX), 20H30.

A ÚLTIMA PARTIDA DE PASOLINI (L’Ultima Partita di Pasolini)

Dir. Giordano Viozzi

Doc, 62 min, Itália.

Em 14 de setembro de 1975, em San Benedetto del Tronto, Pier Paolo Pasolini jogou sua última partida de futebol, antes de sua morte. “A última partida de Pasolini” parte de um pretexto de um jogo de futebol para contar um período histórico que foi fundamental para toda a Itália, com suas contradições e tragédias, através de uma visão aparentemente lúdica de Pasolini, mas que nos permite compreender melhor a importância do poeta e diretor italiano.

AS  MOSTRAS COMPETITIVAS DE CURTA E LONGA-METRAGENS:

Os filmes participantes das mostras competitivas permanecerão disponíveis por 48 horas para visualização e voto do público após a estreia.

MOSTRA COMPETITIVA DE LONGA-METRAGEM

Reúne oito filmes em competição, três brasileiros e cinco internacionais.

50 ANOS DO TRI

Dir. André Gallindo

Doc, 63 min, Brasil

21/11 (SÁB), 17H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 17H.

Em 2020 completamos 50 anos da conquista do Tri, conquistado na Copa do Mundo do México, em 1970. O filme retrata os bastidores daquele título, o contexto político e social do Brasil na época e ainda como aquela seleção de craques marcou a vida de muitas pessoas. Para contar a história dessa conquista, escutamos diferentes figuras em diferentes esferas da sociedade brasileira e mexicana.

A GLÓRIA ETERNA

Dir. Ricardo Taves e Adriano Esteves

Doc, 120 min, Brasil

23/11 (SEG), 17H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 17H.

O dia 23 de novembro de 2019 ficou marcado na história do Flamengo e da CONMEBOL Libertadores. A primeira final da Copa disputada em jogo único e campo neutro consagrou os rubro-negros como campeões da América após 38 anos, com uma virada épica sobre o River Plate, no Estádio Monumental de Lima, no Peru. A campanha do título é recontada por seus protagonistas em “A Glória Eterna”. A nova produção da CONMEBOL Libertadores traz imagens inéditas das partidas e dos bastidores, além de entrevistas com jogadores, ex-jogadores e técnicos de Flamengo e River Plate, antes e depois da Final Única, trazendo nomes como Zico, Jorge Jesus, Marcelo Gallardo, Franco Armani, Bruno Henrique e Gabriel Barbosa, entre outros.

ESTÁDIO (Stadion)

Dir. Tomás Hlavácek

Doc, 72 min, República Tcheca

24/11 (TER), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 19H.

Durante muitas décadas, o estádio Za Luzankami foi um santuário do futebol em em Brno, República Tcheca, com uma atmosfera única e um recorde regular de torcedores. A especulação imobiliária e empresarial, juntamente com o desinteresse político, levou ao seu abandono e à degradação. Depois de mais de quatorze anos, durante os quais o famoso estádio foi dilapidado e coberto de vegetação, a frustração culminou em uma mobilização única de forças envolvendo torcedores, o poder público e toda a cidade.

IDENTIDADE  (Identidad)

Dir. José Carlos García e Carlos Granda

Doc, 83 min, Peru

22/11 (DOM), 17H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 17H.

“Identidad” é uma jornada introspectiva sobre o que significa ter nascido no Peru no início dos anos 1980, quando começou a pior crise econômica, social e política de sua história. Essa viagem resulta em um olhar, talvez esperançoso, sobre um momento recente de mudança e transformação social cuja essência se refletiu no que aconteceu em torno da volta da Seleção Peruana à Copa do Mundo após 36 anos de fracassos.

PANAGOL (Panagol)

Dir. Gonzalo Lamela

Doc, 107 min, Uruguai

21/11 (SÁB), 21H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 21H.

Julio César Dely Valdés é o melhor desportista panamenho do século 20 e um dos responsáveis por fazer do futebol o principal esporte do país em poucos anos. Este documentário conta a história do sonho de um menino panamenho de gritar gols em estádios lotados e que, com esforço e persistência, conseguiu marcar o caminho de muitos outros de seu país.

PAOLO ROSSI-UM SONHADOR QUE NUNCA DESISTE (Paolo Rossi-Dreams Create the Future)

Dir. Michela Scolari e Gianluca Fellini

Doc, 91 min, Itália

22/11 (DOM), 21H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 21H.

Em 11 de julho de 1982, a Itália derrotou a Alemanha Ocidental por 3 a 1 e inesperadamente conquistou a Copa do Mundo. Paolo Rossi, mais conhecido como Pablito, descrito por Pelé e Maradona como o maior campeão da história do futebol, guiou a Itália rumo ao título. A fascinante parábola da história de vida de Paolo Rossi, que culminou com a realização de seu maior sonho: se tornar um campeão mundial.

PROCURANDO PANZERI (Buscando a Panzeri)

Dir. Sebastian Kohan Esquenazi

Doc, 69 min, Argentina/Chile

24/11 (TER), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 15H.

Panzeri foi um homem honrado, um jornalista crítico, um livre pensador. Enfrentou o poder e morreu sozinho e esquecido. Kohan, o diretor, é obcecado em fazer justiça, tirar Panzeri do ostracismo e trazê-lo de volta a este mundo. Recuperá-lo é um ato de dignidade essencial diante da cruel realidade. Sem Panzeri, os dias do futebol estão contados.

SEM FILTRO: FLAMENGO

Dir. Flavio Barone

Doc, 74 min, Brasil

23/11 (SEG), 21H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 21H.

Os bastidores da campanha do Bicampeonato do Flamengo na Libertadores da América. Um mergulho no mundo dos comandados de Jorge Jesus com imagens e entrevistas exclusivas.

MOSTRA COMPETITIVA DE CURTA-METRAGEM

Reúne 37 filmes em competição, 30 brasileiros e 7 internacionais.

23/11, GLÓRIA ETERNA AO FLAMENGO

Dir. Ricardo Taves e Adriano Esteves

Doc, 8 min, Brasil, 2019

23/11 (SEG), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 15H.

O filme de uma virada épica em imagens inéditas de Lima. A mão erguida de Gabigol chamando a bola decisiva, o choro de várias gerações de torcedores e a reação do herói antes de beijar a taça. O desabafo de Rafinha, Diego e dos garotos do Ninho, e muitas cenas inesquecíveis do primeiro campeão em uma final única de Libertadores. Um documento histórico. Único!

50 ANOS DO TRI

Dir. Alexandre de Maio e Paulo Junior

Anima, 4 min, Brasil

22/11 (DOM), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 19H.

O tricampeonato do Brasil na Copa do Mundo de 70 tem um lugar especial na história. Nos 50 anos desse título, colocamos a seleção no lugar mais alto das grandes memórias do futebol.

A8

Dir. Lucio Branco

Doc, 25 min, Brasil

21/11 (SÁB), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 19H.

Seja no meio de campo, ou em qualquer outro meio, a consciência é o método. No monólogo em curta-metragem A8, Afonsinho usa da mesma visão panorâmica que a sua posição exige. Ele não vê apenas os parceiros de time em campo: – “Pra ter jogo você precisa até do adversário”. O herdeiro da camisa de Zizinho e Didi preza o talento individual, mas não ignora que, sem o carregador de piano, não há apresentação solo. Definitivamente, em A8 não existe dono da bola.

A BOLA ESPECIAL

Dir. Ralph Friedericks

Doc,17 min, Brasil

23/11 (SEG), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 15H.

Uma bola muito especial é roubada de maneira misteriosa.

A CAMISA PROIBIDA

Dir. Diego Mello, Igor França, João Pedro Castro, Rafael Machado

Doc,11 min, Brasil

21/11 (SÁB), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 15H.

Se o futebol é do povo, por que nem todos são bem-vindos em estádios e gramados? "Camisa Proibida" mostra o impacto da homofobia no esporte, tendo como ponto de partida a escolha de jogadores profissionais de não usarem a camisa 24.

AQUI É FLAMENGO

Dir. Rafael Luis Azevedo

Doc, 28 min, Brasil

23/11 (SEG), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 19H.

Numa região remota do Ceará, um pequeno distrito compartilha o nome do clube de futebol mais popular do Brasil: Flamengo. Quem nasce lá em flamenguense, e quase todo flamenguense é flamenguista. Conferimos isso num dia de comoção local: a final da Libertadores de 2019.

AS PERNAS DO MARADONA (Ijrain Maradona)

Dir. Firas Khoury

Fic, 23 min, Alemanha/Palestina

21/11 (SÁB), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 15H.

Em uma aldeia palestina durante a Copa do Mundo de 1990, os jovens irmãos Rafat e Fadel estão procurando por “Pernas de Maradona”, a última figurinha perdida do álbum da Copa. Eles vão superar os obstáculos e cumprir esta missão?

BIELSA,  O DEUS LOUCO DE LEEDS

Dir. Renato Senise

Doc,14 min, Brasil

22/11 (DOM), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 15H.

O homem que mudou a história de um clube. Marcelo Bielsa virou o herói do improvável retorno do Leeds à primeira divisão depois de 16 anos. Levou esperança para uma torcida, alegria para uma cidade. Muitos já o chamam de Deus no norte da Inglaterra. Do estilo de vida simples à dedicação fora do comum ao futebol. Da reforma em todas as instalações do Centro de Treinamentos à transformação de jogadores comuns em atletas de seleção. Casos engraçados e relatos emocionantes de pessoas que tiveram a vida impactada pelo treinador argentino.

CANCHA - DOMINGO É DIA DE JOGO

Dir. Welyton Crestani

Doc, 22 min, Brasil

22/11 (DOM), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 19H.

A movimentação começa cedo aos domingos na Vila Verde. É um dia de sol e tem muita gente na rua se organizando para não atrasar o almoço, “porque domingo é dia de jogo” na canchinha da Vila.

CANNIBALE CAFE

Dir. Rochele Zandavalli

Exp, 7 min, França/Brasil

24/11 (TER), 17H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 17H.

Colagem de impressões registradas durante estadia da diretora Rochele Zandavalli em Paris, que se transformou no testemunho afetivo da conquista do bicampeonato francês na Copa do Mundo, sobre a Croácia, em 15 de julho de 2018. A catarse coletiva é experimentada tanto dentro dos museus, quanto nas ruas. Estar em outro país é como trocar o filme da vida. Novos cenários, novos coadjuvantes, um outro destino possível. Podemos até mesmo encenar um novo personagem. Uma espécie de libertação temporária de si mesmo.  

CATARSE

Dir. Daniel Brunet

Doc, 17 min, Brasil, 2019

21/11 (SÁB), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 15H.

O documentário mostra o que a torcida do Flamengo sentiu nas horas que antecederam a conquista da Copa Libertadores, em Lima, em novembro de 2019. O filme entrevista torcedores que foram até a capital peruana ver o jogo e mostra o caldeirão de emoções que se formou no coração do rubro-negro.

CORAÇÃO MIGRANTE

Dir. Leonardo Amaral e Roberto Cotta

Fic, 22 min, Brasil

24/11 (TER), 13H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 13H.

Juninho sonha em ser jogador de futebol. Depois de viajar milhares de quilômetros, ele chega ao interior de Minas pra assinar contrato com o time local. Mas entre o sonho e a realidade existe um abismo. 

DE AMANDO A PAULO ISIDORO

Dir. Ana do Carmo e Ariel Dibernaci

Doc, 5 min, Brasil

21/11 (SÁB), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 19H.

Amando, ex-jogador famoso de futebol, viajou o mundo colecionando troféus. A vida aposenta Amando cedo, e sua única alternativa é passar a trabalhar como vigilante, cultivando seus dias de glória apenas na memória. Ele vive com seu filho, Gabriel, que carrega o sonho de ser jogador se inspirando no legado do pai. Passado, presente e possibilidades de futuro habitam o mesmo teto.

EU SOU DO NORTE

Dir. Cristiano Fukuyama, Edson de Lima e Luiz Nascimento

Doc, 16 min, Brasil

21/11 (SÁB), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 19H.

A pandemia do coronavírus adiou planos e sonhos. Não foi diferente no esporte. Atletas se preparavam para conquistas almejadas por toda uma vida, mas tiveram de parar tudo, sem previsão de retorno à normalidade. O futebol feminino, porém, é uma das modalidades já acostumadas à adversidade. Os sonhos não se abalam facilmente.

“Eu sou do Norte” retrata a luta de mulheres que encontraram nos gramados um propósito de vida, que deixaram o próprio lar em busca de um sonho, que nos grandes centros se formaram como profissionais e que trazem a força do Norte como combustível para superar tudo, inclusive a pandemia.

FERMENTO 

Dir. Carlos Eduardo Ceccon 

Fic, 11 min, Brasil

21/11 (SÁB), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 15H.

1999, sul do Brasil. Restando poucos minutos para o início de uma partida de futebol, duas crianças partem numa jornada repleta de adversidades para conseguirem assistir o jogo.

GRE-NAL DA AMÉRICA, O FILME

Dir. Ricardo Taves e Adriano Esteves

Doc, 25 min, Brasil

22/11 (DOM), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 15H.

Grêmio e Internacional dividem um protagonismo centenário no Rio Grande do Sul e no futebol sul-americano, mas faltava um capítulo primordial para deixar essa rivalidade ainda mais especial. No dia 12 de março de 2020, o Gre-Nal 424 entrou para a história como o primeiro clássico gaúcho válido pela CONMEBOL Libertadores.  A expectativa em torno do confronto inédito e como ele mexe com a rotina de colorados e tricolores é o enredo que conduz “Gre-Nal da América, O Filme”, que entra no universo particular da partida desde o início da semana do clássico até o apito final na Arena do Grêmio.   

HÉCTOR MARTÍNEZ: A SOMBRA DE UMA CIDADE ABANDONADA (Héctor Martínez: Una Sombra en la ciudad)

Dir. Jamer Calvo

Doc, 13 min, Colômbia

23/11 (SEG), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 19H.

Héctor Martínez, jogador de futebol veterano, cantor de música antilhana e cozinheiro tradicional, nos conta aspectos significativos de sua vida, o que nos aproxima da história popular da Cali da segunda metade do século XX, uma cidade em constante transformação que negligencia sua memória.

INTERVALO

Dir. Ludmila Curi

Fic, 15 min, Brasil

24/11 (TER), 17H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 17H.

Cazé, porteiro de um edifício da Zona Sul do Rio de Janeiro, fica preso com seu filho no terraço do prédio, durante um jogo de futebol.

JANDAIA - PAIXÃO PELO FUTEBOL RAIZ

Dir. Nícollas de Oliveira e Murilo Bernardes

Doc, 13 min, Brasil

21/11 (SÁB), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 19H.

O bairro Jardim Jandaia, localizado na zona norte de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, sempre foi associado ao tráfico de drogas e o alto índice de criminalidade. Entretanto, de alguns anos para cá, o futebol se tornou o grande chamariz da comunidade. Levando o nome do bairro, o time do Jandaia quebrou estereótipos e mudou a visão daqueles que não conheciam o lugar.

LARA - A SOLIDÃO DO GOL

Dir. Emerson Wiskow

Anima, 4 min, Brasil

24/11 (TER), 13H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 13H.

Homenagem ao lendário goleiro Eurico Lara, que há 100 anos, vestiu a camisa do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense. Lara morreu com apenas 38 anos após ter disputado sua última partida.

MARINHO-DRIBLES DA MENTE, JOGO NO CORAÇÃO

Dir. Renan Damasceno e Ivan Drummond

Doc, 8 min, Brasil

21/11 (SÁB), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 23/11 (SEG), 19H.

Revelado pelo Atlético-MG, na década de 1970, Marinho (1953-2020) viveu seu apogeu com a camisa do Bangu, onde se consagrou como o melhor jogador do Campeonato Brasileiro e chegou à Seleção Brasileira. 

MEU AMIGO ALEMÃO

Dir. Paulo Junior

Doc, 18 min, Brasil

22/11 (DOM), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 15H.

Gerd Wenzel nasceu em Berlim, e ainda garoto chegou ao Brasil como refugiado da Alemanha Oriental. Aqui, foi pastor, se descobriu comentarista de futebol e, hoje, recuperou a militância social e política. Aos 75 anos, depois de fugir da Segunda Guerra, superar o nazismo, ser perseguido pela ditadura militar e nunca se cansar da luta pela liberdade... Gerd, um bom amigo, tem uma história a contar.

MOVIDO A FUTEBOL - A CAMPANHA

Dir. Rafael Dourado

Doc, 11 min, Brasil

22/11 (DOM), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 19H.

Evinho Bonfim teve paralisia cerebral espástica ao nascer. As dificuldades de mobilidade não o impediram de amar o futebol e o Milan. Foi assim que, aos 14 anos, ele fundou o Milan dos Coelhos. Há mais de duas décadas o projeto do treinador Evinho ajuda a mudar a realidade de crianças e jovens do bairro dos Coelhos, no Recife. O documentário mostra como um time de várzea sobrevive diante da falta de patrocínio e como o técnico é inserido na sociedade através do futebol.

NA MARCA DA CAL

Dir. Fábio Marcelino

Doc, 22 min, Brasil

24/11 (TER), 13H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 13H.

Para realizar o sonho de apitar jogos de futebol profissional, cerca de 300 árbitros do quadro da Federação Mineira de Futebol, atuam no circuito de competições do futebol de várzea de Belo Horizonte e região metropolitana. São homens e mulheres que, em busca de seus objetivos, se põem em movimento pelas cidades, atuando nos campos de terra batida, espaços comunitários de lazer e sociabilidade, vinculados a vilas e favelas. Apesar da pressão e, em diversos casos, a violência, seguem trabalhando, driblando a poeira, marcando impedimentos, validando gols e legitimando resultados.

NÚMERO 10 (Numero10)

Dir. Florence  Bamba

Fic, 14 min, Brasil

24/11 (TER), 17H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 17H.

AWA é uma jovem francesa originária do Senegal. Ela é uma estudante de direito que pratica futebol regularmente com seus amigos vizinhos. Mas sua paixão não é do gosto de todos.

PEQUENA ÁREA GRANDE INFERNO (Área Chica Infierno Grande)

Dir. Mariano Biasin e Federico Marcello

Fic, 19 min, Argentina

22/11 (DOM), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 19H.

É um dia histórico para a cidade de Maipú. É a primeira vez que o time local de futebol chega à semifinal para um torneio nacional. Mas poucas horas antes da partida, o presidente do clube, recebe uma ligação com uma notícia dramática: O árbitro foi subornado pelo rival.

PEQUENOS GIGANTES: CONTRA TUDO E TODOS (Pequeños Gigantes: Contra Viento y Marea)

Dir. Leandro Eezquiel Cerdá

Anima, 5 min, Argentina

22/11 (DOM), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 15H.

Houve um tempo em que o Galatasaray era um time pequeno de futebol. Porém em 1911 enfrentou seu rival clássico, o Fenerbahçe, em uma partida histórica, jogando como visitante, com o time dizimado e sob forte tempestade. E saiu vitorioso contra todas as probabilidades.

PONTA NEGRA F.C.

Dir. Diego Mello, Igor França, João Pedro Castro, Rafael de Moura Machado

Doc, 21 min, Brasil, 2020. Class.12 anos

23/11 (SEG), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 15H.

Ponta Negra F.C. mostra a campanha do time de futebol de areia de Ponta Negra durante o Fest Juá 2020, 20ª edição da Festa da Reserva Ecológica da Juatinga. Mais do que apenas acompanhar as partidas da equipe, o filme explora as relações entre o futebol e o cotidiano da região levantando questões sobre pertencimento e identidade caiçara.

SÃO CRISTÓVÃO - À SOMBRA DO PASSADO

Dir. Marx Braga

Doc, 13 min, Brasil

23/11 (SEG), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 19H.

Já imaginou como é torcer para um time que não conquista um título há 94 anos? O São Cristóvão de Futebol e Regatas, berço de craques como Ronaldo Fenômeno, resiste contrariando todas as expectativas. Mais do que futebol, esse é um filme sobre amor.

SEGUNDA PELE

Dir. Luiz Fernando Gaio

Anima, 2 min, Brasil

23/11 (SEG), 15H. DISPONÍVEL ATÉ 25/11 (QUA), 15H.

Segunda Pele é uma homenagem à camisa rubro-negra e à maior torcida do mundo, em 90 segundos regulamentares. A camisa é a ligação do torcedor com o seu time, com a sua paixão. Essa animação conta um pouco da história desse manto sagrado que veste torcedores flamenguistas entre uma partida e outra.

SOMOS (Somos)

Dir. Maria Joana Figueiredo

Doc, 20 min, Portugal

24/11 (TER), 17H. DISPONÍVEL ATÉ 26/11 (QUI), 17H.

No desporto tudo é movimento; as imagens são produzidas para registar instantes que rapidamente deixarão de ser atuais. SOMOS justapõe imagens de alguns momentos vividos entre Janeiro a Dezembro 2019 neste eclético clube que é o Sporting. Se rapidamente as imagens passam a ser memória; a memória elevar-se-á a identidade?

SPOKO - O TÉCNICO DE FUTEBOL CEGO (Spoko - The Blind Football Coach)

Dir. Win Steyler

Doc, 10 min, África do Sul

22/11 (DOM), 19H. DISPONÍVEL ATÉ 24/11 (TER), 19H.

Dumisani Ntombela nunca viu um estádio de futebol, porém treinou um time de futebol feminino para a Premier League. Perdeu seu financiamento e sua equipe, mas quer colocá-la de volta em campo.

TOCA PRA ELAS

Dir. Carolina Olídia.

Vai que é tua Tafarinha (Divulgação)



Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar