Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Maia diz que não dá para confiar no ministro da Educação

Maia diz que não dá para confiar no ministro da Educação
| Sérgio Lima/ Poder 360

Por Rany Veloso

Mesmo com a notícia do Ministério da Educação de que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) será adiado, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que vai esperar uma manifestação do presidente da República, Jair Bolsonaro, sobre o tema. Caso contrário, o projeto de lei que muda a data do exame para depois da pandemia do Coronavírus pode ser votado ainda hoje na casa. Maia disse que não dá para confiar no ministro da Educação, Abraham Weintraub.  

Ontem, foi aprovado no Senado outro projeto de lei de adia a aplicação de provas que dão acesso aos cursos de graduação, mas ainda precisa passar pela Câmara e só depois irá à sanção do presidente.

Os deputados estavam se preparando para as votações do dia quando receberam a notícia de que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) adiará a prova por 30 a 60 dias.

O Inep é o órgão vinculado ao Ministério da Educação responsável pela aplicação das provas.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar