Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Banco Popular emprestou mais de R$ 1,4 milhão para empreendedores

Isaura Ribeiro é comerciante e cliente do Banco Popular desde a sua criação. No começo da pandemia do novo coronavírus, ela teve queda nas vendas dos seus produtos e precisou de dinheiro para investir. Procurou a instituição bancária e conseguiu R$ 4 mil. Ela foi uma das 425 pessoas atendidas durante a pandemia pelo Banco, que liberou mais de R$ 1,4 milhão em empréstimos para empreendedores de Teresina. 

O Banco Popular (BP) é um órgão vinculado à Secretaria Municipal de Economia Solidária (Semest) e proporciona aos pequenos empreendedores o acesso ao microcrédito. São empreendedores de várias áreas ligados à economia solidária e criativa, como artesãos que trabalham com arte santeira, bordados, bonecas e outros.

Banco Popular emprestou mais de R$ 1,4 milhão para empreendedores durante pandemia

“Sempre que eu preciso, recorro ao Banco Popular para conseguir empréstimo e investir no meu comércio. O dinheiro que peguei no começo da pandemia me ajudou a manter as portas abertas e poder gerar renda para minha família. Vou trabalhando, recebendo o dinheiro dos produtos que investi e assim vou pagando o empréstimo. O Banco tem sido de grande ajuda, ainda mais nesse momento que estamos passando”, conta Isaura, de 75 anos, que tem um comércio de venda de alimentos no Dirceu II.

O Banco Popular adotou medidas de apoio aos pequenos empreendedores que tiveram seus negócios afetados pela pandemia do novo coronavírus. Uma delas foi o aumento do prazo de carência para pagamento da primeira parcela dos financiamentos de microcrédito, que passou de 45 para 120 dias. O número de parcelas em que se pode dividir o empréstimo também foi ampliado. Agora são 12 meses ao invés de 10.

Quem também foi beneficiado através do Banco Popular foi Leandro Augusto, que é proprietário de uma loja de produtos automotivos há nove meses. Pela segunda vez ele solicitou empréstimo à instituição. O comerciante conta sobre os benefícios e facilidades do serviço, principalmente durante o período de pandemia. “O Banco Popular foi a melhor coisa que fizeram pela gente. Está ajudando muito, desde o micro ao médio empreendedor. As taxas não são abusivas e eles ainda ofereceram 120 dias para o pagamento da primeira parcela. Foi o que nos ajudou a manter a loja e pagar as contas”, afirma. 

Banco Popular emprestou mais de R$ 1,4 milhão para empreendedores durante pandemia

O gerente do banco, Michel Sena, ressalta as medidas adotadas para facilitar a realização dos empréstimos para os empreendedores. “Durante a pandemia nós suspendemos a cobrança de juros e multas dos contratos que estavam em dias até o mês de fevereiro. Se a pessoa pagou até fevereiro, mas não conseguiu realizar o pagamento dos meses seguintes, agora ela pode ligar para o banco, solicitar o boleto atualizado sem a cobrança dos juros e multas. Também não inserimos os nomes das pessoas inadimplentes nos órgãos de proteção ao crédito, SPC e Serasa”, explica o gerente. 

O Banco Popular disponibiliza duas linhas de crédito para empreendedores, uma para capital de giro e outra para aquisição de maquinário e equipamentos. Para a realização do empréstimo, nas duas categorias, é preciso ser empreendedor e ser residente da capital. O BP disponibiliza através do capital de giro até R$ 1,5 mil para o primeiro empréstimo que, após quitação, pode ser renovado para até R$ 4 mil. 

Para a aquisição de maquinário e equipamentos, o empréstimo pode chegar até R$ 10 mil, do qual 70% são para compra de máquinas e 30% para capital de giro. Para conseguir a concessão é necessário de um aval, que pode ser solidário ou simples. Em ambos os casos é preciso que o avalista tenha renda comprovada de no mínimo um salário mínimo, não podendo residir na mesma casa do solicitante do empréstimo. 

Durante o período de pandemia, o atendimento no Banco Popular está sendo realizado de forma online, através do site da Prefeitura de Teresina. Para aqueles empreendedores que não possuem acesso a internet, o Banco está atendendo presencialmente de segunda a quinta-feira, das 8 às 12h, na Avenida Campos Sales, Nº 1292, Centro/Norte.

Para fazer um empréstimo no Banco Popular é preciso portar cópias e originais do RG, CPF, dados bancários, comprovante de endereço e comprovação da atividade que desenvolve.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar