Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Cícero Magalhães diz que Palácio do Karnak está sendo hostil ao PT

Cícero Magalhães diz que Palácio do Karnak está sendo hostil ao PT

Por causa de declarações do secretário de Governo, Wilson Brandão, criticando o PT, o deputado estadual Cícero Magalhães fez na Assembleia Legislativa discurso rompendo com o governador Wilson Martins (PSB), cobrando respeito, já que o PT foi responsável pela condução do governador ao Palácio do Karnak.

Cícero Magalhães afirmou que o Palácio do Karnak está sendo hostil com o PT e que o governador é ingrato.

"O PT não é um apêndice do PSB e sim um aliado, por isso o governador tem que nos dizer se ainda servimos como aliados. Não vou aceitar é que ele mande recado pela imprensa", falou.

Wilson Brandão disse que o governo Wellington Dias (PT) não trouxe nenhuma obra estruturante ou de impacto para o Estado.

"Eu não acredito que o governador não saiba ou não esteja patrocinando esse tipo de declaração dos seus secretários... Eu sei que essa fala que eu estou fazendo aqui vai realmente ter um pouco de insatisfação, mas não é maior que a dos petistas. A bancada toda está se incomodando, a base toda do PT está incomodada. Tem muita gente querendo a opinião do PT. O PT tem uma direção política, uma coordenação. O filiado Cícero Magalhães está incomodado. Eu tenho certeza que nenhum petista vai ficar mais chateado do que já está. Dizer saiam pela porta da frente é mais simpático. Do contrário a população vai entender que na verdade é uma ingratidão exatamente àquele que foi às ruas. Eu falo por mim e por isso gostaria de dizer que nós do PT a partir de hoje vou cobrar do meu partido. É só ver a mídia e ver o silêncio absoluto do governador. Isso é uma coisa grande. Se você não quer mais o aliado o aliado sai ou você pede para ele sair", disse Magalhães.

Cícero Magalhães falou ainda que o governo está fazendo ataques sistemáticos ao PT, referindo-se a promessas de auditoria nos atos do governo Wellington Dias.

O deputado estadual Fábio Novo, presidente estadual do PT, afirmou, durante aparte, que agora vai ser "bateu, levou" e que a bancada petista precisa se reunir com o governador Wilson Martins e decidir se o PT permanece ou não na base do governo.

O governador Wilson Martins que é normal que o deputado critique o governo. ?Eu como deputado estadual já critiquei muito governos. Não está tendo nenhuma crise na relação do PT e meu governo. Na democracia existe críticas?, falou Martins.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar