Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Eleições para a Prefeitura de Campo Maior estão acirradas com Paulo Martins na frente 46,75% e Doutora Liége está com 41% das intenções de voto

Eleições para a Prefeitura de Campo Maior estão acirradas com Paulo Martins na frente 46,75% e Doutora Liége está com 41% das intenções de voto

Eleições para a Prefeitura de Campo Maior estão acirradas com Paulo Martins na frente 46,75% e Doutora Liége está com 41% das intenções de voto

O presidente do Instituto Piauiense de Opinião Pública (Amostragem), estatístico e professor da Universidade Federal do Piauí (UFPI) João Batista Teles, disse que as eleições para a Prefeitura de Campo Maior (82 km de Teresina), marcadas para este domingo, serão acirradas, com o candidato do PT, Paulo Mattins, na frente com 46,75% das intenções de voto estimuladas, e sua principal adversária, a médica Liége Cavalcante, a Doutora Liége (PSB), com 41% das intenções de voto estimuladas.

?Será uma eleição decidida realmente neste domingo, com a disputa voto a voto, mas pelos números das intenções de voto, se for mantida essa diferença de 5,75%, Paulo Martins venceria a eleição com uma diferença de cerca de 1.600 votos. Isso porque o eleitorado de Campo está em torno de 24 mil eleitores. E na hipótese de ter 17% de abstenção, compareceriam às ruas, cerca de 28 mil eleitores?, falou João Batista Teles.

A pesquisa foi realizada no período de 26 a 27 de janeiro e ouviu 400 eleitores de bairros da zona urbana e povoados da zna rural de Campo Maior. O Instituto Amostragem divulgou que na pesquisa de intenções de voto estimuladas (quando os nomes dos candidatos são mostrados aos entrevistados) são os seguintes: Paulo Martins (PT) aparece na frente, com 46,75% das intenções de votos. Liége Cavalcante, a Doutora Liége (PSB) está em segundo lugar com 41%. Edílson Araújo, o Palhaço Piteko (PRB) está em terceiro e último lugar, com 2,25%.

Entre os entrevistados, 8,25% afirmaram que não queriam opinar ou não sabiam opinar sobre quem vão votar para prefeito de |Campo Maior. O levantamento eleitoral feito pelo Instituto Amostragem está registrado no Fórum Eleitoral de Campo Maior (96ª Zona Eleitoral), sob o protocolo geral de número 1453 / 2011, desde o dia 23 de janeiro.

A margem de erro é de 4,8%, para mais ou para menos. A pesquisa Amostragem traz ainda números com intenção de voto espontânea (quando o entrevistador não os nomes dos candidatos aos eleitores) e intenção de voto com apenas os votos válidos (desconsiderando indecisos, nulos e brancos), além dos números da rejeição (aquele candidato que o eleitor afirma que não votaria de jeito nenhum).

O candidato mais rejeitado é o Palhaço Piteko com 35%. O segundo mais rejeitado é Paulo Martins, com 25%, não muito distante de Doutora Liége, a menos rejeitada, com 21,75%.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar