Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros
Efrém Ribeiro

FMS vai inaugurar mais 20 obras para modernizar a saúde de Teresina

O presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Charles Silveira, informou, na quinta-feira 18 de julho, que 90 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) serão fortalecidas e neste ano serão inauguradas mais 20 novas obras para modernizar a rede de saúde de Teresina.
Ainda em 2019, a FMS irá realizar mutirões de consultas e publicar edital de chamamento público visando diminuir as filas de espera eletrônicas em consultas e exames especializados.
Segundo Charles Silveira, são mais de 24 obras para modernizar a infraestrutura da rede de saúde da capital. Somente em agosto de 2019, serão entregues o Laboratório Raul Bacelar, Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Mama Mia e do Teresina Sul e o CAPS da zona Norte, localizado no bairro são Joaquim.
Ele anunciou que vai começar agora o serviço Banho Móvel, para oferecer banho e higiene para as pessoas em vivem em situação de rua de Teresina.

Efrém Ribeira
Meio Norte - Como você avalia a prestação de saúde em Teresina?

Charles Silveira - A rede municipal de saúde tem dado uma resposta satisfatória à sociedade, já que temos procurado resolver com eficiência os problemas de saúde das pessoas. Possuímos uma estrutura de atendimento para todos os níveis de complexidade, com bons profissionais e incorporação de novas tecnologias. Embora tenhamos atuado a contento, enfrentamos certos obstáculos, como a grande demanda de usuários de outras regiões, o que sobrecarrega o nosso serviço.

Meio Norte - Qual é o trabalho desenvolvido pela Fundação Municipal de Saúde?

Charles Silveira - A FMS é responsável por administrar 10 hospitais municipais, 4 Maternidades, o Centro de Saúde Lineu Araújo, o SAMU, 3 UPA’s e, ainda, o HUT, Pronto Socorro especializado, habilitado como Unidade de Assistência de Média e Alta Complexidade em Traumatologia e Ortopedia, Nutrição e Neurocirurgia. Na área da Atenção Básica, são 90 Unidades Básica de Saúde, distribuídas nas 4 zonas da cidade. Além disso, conta com o Consultório na Rua, o Laboratório Raul Bacelar, 03 Centros de Especialidade Odontológica (CEO) e 07 Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). A Fundação é também responsável pela gestão do SUS no âmbito municipal e atua como órgão planejador, fiscalizador, regulador, autorizador e pagador das ações em saúde. Isso porque elabora documentos de planejamento; fiscaliza a aplicação dos recursos financeiros; coordena o cadastro dos estabelecimentos no CNES; autoriza todos os procedimentos de média e alta complexidade realizados pelos prestadores de serviço ao SUS e gerencia o Fundo Municipal de Saúde. Além disso, a FMS administra o sistema de marcação de consultas e exames especializados do SUS, o Gestor Saúde. Diariamente, este sistema oferta vagas para que os 224 municípios do Piauí possam usufruir do atendimento especializado em Teresina.

Meio Norte - Como irá funcionar o serviço Banho Móvel?

Charles Silveira - Para oferecer condições de higiene às pessoas em situação de rua (moradores de rua), a FMS levará aos bairros de Teresina um carro adaptado com banheiros. O novo serviço foi batizado de "Banho Móvel" e a previsão é de que seja inaugurado ainda neste mês. O carro do Banho Móvel está equipado com dois chuveiros e um reservatório que acumula até mil litros de água. Inicialmente, o serviço vai funcionar duas vezes na semana, no turno da noite e em qualquer local que tenha aglomerado de pessoas em situação de rua, como em praças públicas.

Meio Norte - Para finalizar, o que está sendo feito de relevante na sua gestão e o que previsto prioritariamente para 2019?

Charles Silveira - Neste ano, há previsão de realizarmos concurso público e agora está em andamento teste seletivo com 334 vagas para contratação temporária de profissionais da área administrativa e da saúde. Na Atenção Básica, estamos fortalecendo as 90 Unidades Básicas de Saúde (UBS), que são porta de entrada preferencial do SUS, pois isso trará reflexos em todos os níveis de assistência e, por esse motivo, está entre as nossas prioridades. Nestas UBS, estamos aperfeiçoando programas existentes, qualificando os profissionais de saúde e melhorando a infraestrutura destas Unidades. Até fevereiro de 2020, mais 9 Unidades de Saúde serão entregues à população teresinense. A FMS também está estudando a possibilidade de criação de terceiro turno em algumas Unidades Básicas de Saúde, para atender a população no turno da noite. Além disso, outra ação extremamente relevante é a previsão de lançamento do edital para selecionar alunos dos cursos de serviço social, enfermagem e psicologia. Eles atuarão na linha de frente das Unidades de Saúde, para fortalecer o acolhimento já existente bem como garantir a humanização dos atendimentos.

Meio Norte – Qual a atuação da FMS na área pré-hospitalar?

Charles Silveira - Na parte pré-hospitalar, administramos o SAMU, que realiza atendimento de qualidade e conseguiu obter a sua qualificação junto ao Ministério da Saúde. Nesse momento, estamos modernizando a sala que atende os chamados do 192, que passará a contar com digitronco (mudança da linha telefônica para digital), call center, que agilizará o atendimento dos telefonistas, além de estarmos instalando repetidoras digitais para melhorar a comunicação via rádio entre a Central e os profissionais das ambulâncias.

Meio Norte – E na área hospitalar?

Charles Silveira - No atendimento hospitalar, inauguramos recentemente a UPA do bairro Satélite, que tem uma estrutura espetacular. Agora, as três UPAS garantem a cobertura de 100% de Teresina, conforme parâmetros do Ministério da Saúde. Nós estamos ainda reformando o Hospital do Matadouro e o Hospital do Dirceu, que é a nossa estrutura mais antiga.

Meio Norte – Quais as obras que serão inauguradas este ano?

Charles Silveira - Ainda em 2019, a FMS irá realizar mutirões de consultas e publicar edital de chamamento público visando diminuir as filas de espera eletrônicas em consultas e exames especializados. São mais de 24 obras para modernizar a infraestrutura da rede de saúde da capital. Somente em agosto de 2019, serão entregues o Laboratório Raul Bacelar, Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Mama Mia e do Teresina Sul e o CAPS da zona norte, localizado no bairro são Joaquim.

Meio Norte – E na área da saúde ambiental?

Charles Silveira - Já na área da saúde mental, autorizamos a implantação do método RECORE, que utiliza técnicas de meditação, massagem, respiração e relaxamento para cuidar das pessoas que sofrem com ansiedade e depressão. Nessa etapa do treinamento, os próprios profissionais têm se beneficiado das técnicas e, posteriormente, trará benefícios para o atendimento dos usuários. Recentemente, produzimos o protocolo de atendimento de urgência e emergência em saúde mental. No documento, consta definido o papel dos CAPS, hospitais, SAMU, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, em casos de urgência psiquiátrica.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×