Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros
Efrém Ribeiro

TRT vai dar aumento a motoristas e cobradores para convocar dissídio

Oito ônibus de três consórcios de empresas foram depredados, durante a tarde de sexta-feira, na Praça Saraiva, no centro de Teresina.

O motorista Luiz Francisco diz que viu um jovem jogando pedras nos ônibus e correndo para o encontro de outros dois jovens que estavam o esperando em uma motocicleta.

O vice-presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Rodoviário do (Sintetro), Ajuci Dias, afirmou que durante uma rodada de negociação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) do Piauí, no centro de Teresina, os diretores da entidade sindical e os diretores do Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Teresina (Setut) e não chegaram a nenhum acordo porque os trabalhadores reduziram sua proposta de reajuste salarial de 8,5% para 5%, enquanto os patrões propuseram um reajuste linear de 4% nos salários e de 5% no tiquete-alimentação, mas com a condição da jornada dos motoristas e cobradores ficar com duas pegadas, quatro hora pela manhã e trêds horas e 20 minutos pela manhã e de trocar o plano de saúde para o da empresa Intermed.

Ajuci Dias afirmou que o desembargador federal do TRT da 22ª Região do Piauí Monoel Edilson viajou após concluir que as negociações entre motoristas e cobradores e seus patrões chegaram a um impasse e na , segunda-feira, vai intervir no conflito suspendendo a greve, estabelecendo um percentual de aumento para os trabalhadores e convocando uma data de dissídio entre empregados e os proprietários das empresas.

“Por causa de acordo e com as negociações esgotadas, o TRT vai intervir no conflito nesta segunda-feira suspendendo a greve, estabelecendo um reajuste salarial provisório para que seja estabelecido um aumento salarial definitivo durante o dissídio coletivo”, afirmou Ajuci Dias.

Ele falou que os ônibus foram depredados por um menino que jogou pedras nos para-brisas dos veículos e os ônibus ficaram na rua Rui Barbosa, na rua Aerolino de Abreu, na Praça Saraiva, na Praça da Bandeira, na Praça Rio Branco e na avenida Frei Serafim e , depois, voltaram para as garagens das empresas , retornando a circulação dos 70% da frota de 372 veículos coletivos.


Ajuci Dias afirmou que neste sábado entram no 6º dia de greve.

Os salários dos motoristas é de R$ 1.876,87 ; dos cobradores R$ 1.149,44 e; os despachantes ganham R$ 1.237,83.




Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×