Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Pais de alunos que aterrorizaram colégio em Teresina serão processados

Ao participar da instalação do Gabinete Itinerante da Secretaria Estadual de Segurança no conjunto Esplanada, na zona Sul de Teresina, o secretário Fábio Abreu informou que os pais dos três estudantes menores de idade que forjaram fake news, na sexta-feira (20), e espalharam terror na escola Mérito D' Martone, no bairro Ilhotas, na zona Sul da capital piauiense, serão responsabilizados civilmente pelos atos dos filhos.

Segundo ele, os três adolescentes responderão por atos infracionais correlatos a crimes de internet, ameaças e promoção da desordem pública.

Efrém Ribeiro.

"Os estudantes responsáveis pelas fake news e seus pais foram ouvidos pela delegada responsável pelo inquérito instaurado para apurar o crime", afirmou o secretário Fábio Abreu.

Ele anunciou que em dezembro deste ano vai estar implantado o sistema de monitoramento eletrônico de Teresina com um sistema de câmeras que identificam os carros por suas placas, permitem o reconhecimento facial e facilitará a comunicação de crimes e as soluções de crimes, utilizando o serviço de inteligência artificial Cérebro , implantado em Fortaleza pelo Governo do Ceará.

Caso de Fake News

O secretário afirmou que os prints que deram origem ao pânico na escola do bairro Ilhotas são oriundos de Santa Catarina. "Estamos aqui para esclarecer um print que está circulando nos grupos a respeito de um possível ataque a escola Mérito D’Martone, já fizemos contato com a inteligência da Polícia Civil e parte daqueles prints são oriundos do estado de Santa Catarina quando mostra a arma que é de um jovem que também expôs essa arma em Balneário Camboriú, então não procede mas mesmo assim nós estaremos atentos com relação a qualquer movimentação nessa escola principalmente em função desses prints mas que a população fique sabendo a respeito do que nós já conseguimos apurar até o momento, mas continuamos fazendo essa apuração desse caso”.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar