Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Por causa do óleo, Regina Sousa decreta emergência no Piauí

A governadora em exercício, Regina Sousa (PT) anunciou , na segunda-feira (18) ,que irá decretar situação de emergência no estado em consequência das manchas de óleo no litoral do Piauí e no Delta do Parnaíba, onde o rio Parnaíba desemboca suas águas no Oceano Atlântico.

No sábado, o Movimento dos Percadores e Pescadoras Artesanais do Piauí (MPP-PI) pediu a decretação de estado de emergência, alegando que há risco de vida aos cidadãos que moram ou visitam a região por causa da contaminação causada pelo óleo.

Regina Sousa disse que o decreto vai ser assinado nesta  terça-feira (19), depois que receber o parecer final da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar) e  documento que solicitou à Capitania dos Portos com o relato da situação das manchas de óleo

"Não é para alarmar ninguém, é uma precaução e exigência do Governo Federal, pois só pode vir ajudar para os pescadores para aqueles que se enquadram no seguro-defeso se fizer o decreto", afirmou Regina Sousa , ao participar de uma reunião do Conselho de Política de Combate à Pobreza, que acontece na Secretaria de Assistência Social (Sasc).

Regina Sousa informou que o ministro de Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, recomenda aos estados que decretem emergência como forma de agilizar a liberação de recursos. A governadora disse que o estado está participando da força-tarefa fazendo o acompanhamento da situação e a limpeza das praias.

Desde setembro as  manchas de óleo já foram retiradas alcançaram quatro toneladas nas praias piauienses e Delta do Parnaíba.

Das cinco afetadas pelo óleo, três estão impróprias para o banho, as de   Atalaia e Peito de Moça, em Luís Correia, e Pedra do Sal em Parnaíba.

Já são sete áreas do Delta afetadas pelo petróleo cru. Das 70 ilhas e praias do Delta, a Marinha localizou vestígios de óleos nas localidades das Ilhas das Canárias, Poldros, do Caju, nas praias do Pontal, de Caiçaras e Barra das Melancieiras.

Regina Sousa falou que acusaram o derramamento de óleo ser da Venezuela, de navio-fantasma, mas nunca deram uma informação precisa.

"É leite derramado, estamos fazendo a limpeza, verificando tudo e se daqui a duas semanas vem de novo. Nós temos tecnologia, só falta ação. Nesse período até fevereiro se tiver as manchas de óleo o PIB (Produto Interno Bruto)  desse pais pode diminuir mais ainda", acentuou Regina Sousa.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se