Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Traficantes de drogas mantinham Centro Espírita e estavam construindo prédio com quitinetes para estudantes na frente da Uespi

Traficantes de drogas mantinham Centro Espírita e estavam construindo prédio com quitinetes para estudantes na frente da Uespi

Traficantes de drogas mantinham Centro Espírita e estavam construindo prédio com quitinetes para estudantes na frente da Uespi

Os traficantes de drogas presos na Operação Poty, deflagrada ontem pela Delegacia de Entorpecentes, mantinham seus negócios de tráfico de com a manutenção de um Centro Espírita, no bairro Santa Maria da Codipi, e com a construção de salas comerciais e de quitinetes para aluguel a estudantes bem na frente do prédio da Uespi (Universidade Estadual do Piauí), no bairro Pirajá, na zona Norte de Teresina.

As investigações feitas pela Delegacia de Entorpecentes, segundo o delegado titular do órgão, Samuel Silveira, apontou que o acusado de tráfico de drogas Leandro Alves Soares, tem um Centro Espírita no bairro Santa Maria da Codipí, que possui dois salões de rituais religiosos e muitos santos.

Os agentes da Delegacia de Entorpecentes e o próprio delegado Samuel Silveira afirmam que a casa de Leandro Alves Soares e de sua mulher, Ana Carolina de Sousa, a Karol, é mais luxuosa do que a mansão de cerca de R$ 1 milhão do traficante preso Ulisses Kelson Campos Rodrigues, no bairro Pirajá.

A casa tem duas fontes luminosas e muitos santos. Os vizinhos afirmaram que até há um mês a casa de Leandro Alves Soares tinha o nome Centro Espírita em sua parede. Eles dizem que era um Centro Espírita, mas também existia um espaço para rituais de umbanda com imagem de Iemanjá.

Leandro Alves Soares era conhecido pelos vizinhos não como traficantes de drogas, mas como o promotor de festejos de São Pedro e São João Batista, no mês de junho.

?Quem vê a frente externa da casa não imagina o luxo que tem no interior?, declarou o delegado Samuel Silveira, lembrando que quando perguntado sobre sua profissão, Leandro Alves de Sousa falou que era ?guia espiritual?.

Samuel Silveira disse que foram apreendidos com os traficantes uma picape Strada, um automóvel Peugeot, um Pálio e uma motocicleta, dois revólveres e foram sequestrados 15 veículos de luxo, entre eles uma caminhonete L-200; um EcoSport; uma caminhonete que custa mais de R$ 100 mil; uma caminhonete Ford F-250; além de outros veículos de menor valor.

Samuel Silveira afirmou que entre os imóveis sequestrados está um minishopping no bairro Pirajá com pelo menos 20 salas comerciais de propriedade de Ulisses Kelson Campos Rodrigues.

?Pelo luxo dos imóveis dá para perceber o poder e o patrimônio do tráfico de drogas no Piauí?, falou Samuel Silveira.

A mãe de Ulisses Kelson Campos Rodrigues, Maria do Carmo Campos Rodrigues, afirmou que o prédio de dois pavimentos é de sua propriedade e a prisão do filho não tem nada a ver porque ele não é traficante de drogas.

O prédio ainda está sendo construído e tem muito material de construção civil e portas metálicas em seu interior.

Fotos








Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar