Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

UFPI fecha parceria para capacitar professores no ensino de flauta-doce

UFPI fecha parceria para capacitar professores no ensino de flauta-doce

A Universidade Federal do Piauí (UFPI) é a única universidade federal do país que tem parceria com a Yamaha Brasil. A união sela uma cooperação educacional com o objetivo de capacitar profissionais para o ensino da flauta-doce e motivar a formação de público no Estado.

Como parte da relação entre as instituições, no dia 25 de abril, a UFPI recebe o Quinteto Sopro Novo Yamaha, que realiza concerto no Cine-Teatro/UFPI, a partir das 15h. A apresentação do grupo integra a programação do Projeto Flauta-Doce, em parceria com a Yamaha Brasil, que tem como objetivo consolidar as ações de educação instrumental em nível de especialização.

Durante a programação, será promovido um bate-papo entre os dulcístas (nome dado aos músicos que tocam flauta doce) e artesãos locais que fabricam instrumentos nordestinos.

Formado em 2007, o Quinteto Sopro Novo é composto por profissionais que ministram os seminários do programa Sopro Novo em todo o território nacional e realizam apresentações em escolas públicas e privadas, universidades, faculdades, empresas públicas e privadas.

O Quinteto é formado pelos seguintes artistas: Cristal Velloso, Marcio Soares, Maurílio Silva, Marta Roca e Josy Lopes.

Integrantes do Quinteto Sopro Novo:

Cristal Velloso

Bacharel em composição e regência, especializada em musicalização infantil pelo Instituto Orff de Salzbourg-Austria e método Kodaly na Universidade Dunakanyar Estergon-Hungria.

Estudou flauta doce com Nair Romero de Mattos, Bernardo Tolledo Piza e fez cursos com Ricardo Kanji, entre outros. Atua como concertista, e na Yamaha Musical do Brasil é a coordenadora de Difusão Musical, sendo a criadora e gestora do programa Sopro Novo Yamaha, e também autora dos cadernos de flauta doce do programa.

Joseli Lopes Alves

Formada em música com habilitação no instrumento piano. Paralelamente aos seus estudos de piano também estudou flauta doce e ingressou no programa sopro novo como aluna em 2005.

É professora de instrumento ? piano e flauta doce ? em escolas de ensino específico de música de São Paulo. Também formada em História, foi professora de História da Música e disciplinas pedagógicas afins nos cursos técnicos de instrumento do Conservatório Musical Frutuoso Viana.

Atua como professora de música na rede particular de ensino de São Paulo, desenvolvendo atividades com grupos de flauta doce e coro infanto-juvenil. É monitora do programa Sopro Novo desde 2010 e integrante do Quinteto Sopro Novo.

Márcio Alexandre

Bacharel em piano e licenciatura em educação Artística com habilitação em música pela FASM. Especialização em metodologia Kodaly-unesp. Iniciou estudo de flauta doce na Escola Municipal de Música e atualmente é aluno da professora Maristela Loureiro. Professor do Colégio Batista Brasileiro nas disciplinas de música, flauta doce, coro infantil e ética cristã desde 1994 e professor do programa Sopro Novo Yamaha, responsável pela região Nordeste do Brasil.

Marta Roca

Bacharel em Flauta Doce pela Faculdade Santa Marcelina (SP) e Especialista em "Capacitação Docente em Musica Brasileira" pela Universidade Anhembi Morumbi (SP). Estudou flauta doce com Luzia C. Verago, Cléa Galhano e Isa Poncet, e também em cursos de aperfeiçoamento no Brasil e Itália. Atua como tutora no curso superior de educação musical a distância da UFSCAR - Universidade Federal de São Carlos pela UAB - Universidade Aberta do Brasil, leciona flauta doce e rítmica na Fundação das Artes de São Caetano do Sul e musicalização no Centro Educacional Pomar, de pedagogia Waldorf, em Ribeirão Pires. É professora do programa Sopro Novo Yamaha e membro do Quinteto Sopro Novo.

Maurílio Silva

Bacharel em Música com Habilitação em Flauta pela Universidade de São Paulo ECA/USP. Participou de festivais de música em Campos do Jordão, Curitiba, Prados, Ivoti, Salvador, Juiz de Fora. Desde 1988 vem se dedicando à prática, pesquisa e divulgação do repertório para Flauta Doce e Flauta Transversal através de atividades didáticas e artísticas. Estudou com Jean Noel Saghaard, Ricardo kanji, Bernardo Toledo Piza, Valéria Bittar, Cristal Velloso, Pierre Hamon, entre outros.

Atualmente toca no Grupo Les Folies e no Quinteto Sopro Novo, desenvolvendo intenso trabalho em música erudita e popular. Traz na bagagem a experiência de quem já tocou praticamente de tudo, do choro à música flamenga, de música renascentista à complexa música contemporânea.

Leciona na Fundação das Artes e no Programa Sopro Novo.








Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar