Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Vigilância multará em até R$ 500 quem andar sem máscaras em Teresina

Com a flexibilização da prática de atividade física ao ar livre no município, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) está reforçando a fiscalização para garantir uma retomada livre de transmissão da Covid-19. 

Na  segunda-feira (27), a equipe da Vigilância Sanitária Municipal esteve na Avenida Raul Lopes, dando orientações e distribuindo máscaras para uso das pessoas que estavam no local.    

Multa pode chegar a R$ 500 por falta do uso máscaras em Teresina-Foto: Reprodução

O protocolo de reabertura do município listou regras específicas para a prática de atividades físicas ao ar livre. Entre elas, está o uso obrigatório de máscaras por todos os frequentadores desses espaços. Segundo Jeanyne Seba, gerente de Vigilância Sanitária da FMS, o trabalho da equipe foi focado na conscientização sobre o uso do acessório, que evita uma maior disseminação do novo coronavírus pelo ar.

 “O decreto estadual estabelece que a ausência de máscara em espaços públicos pode gerar multa de até R$ 500,00”, alerta.

Outra regra fundamental estabelece que a prática deve ser individual, respeitando as medidas de distanciamento de dois metros entre pessoas que estão apenas caminhando (tanto para os lados como para a frente) e de 10 metros entre pessoas que estão correndo.

Multa pode chegar a R$ 500 por falta do uso máscaras em Teresina-Foto: Reprodução

 “Isso porque gotículas de saliva vêm como uma nuvem que percorre um espaço maior quando a pessoa está correndo”, esclarece Jeanyne Seba. Ela reforça ainda que no caso do ciclismo, deve ser mantida uma distância de 20 metros entre cada praticante.

Além disso, as pessoas devem evitar compartilhar objetos ou tocar as mãos no solo e procurar manter os cabelos presos. O uso dos equipamentos das academias ao ar livre está proibido, bem como o consumo ou comercialização de alimentos. 

“Pessoas com sintomas gripais ou pertencentes aos grupos de risco também devem evitar ir a estes locais, dando prioridade à prática de atividade física em casa”, recomenda a gerente.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar