Por João Henrique Bezerra

Praticamente toda região Norte do Piauí foi atingida por fortes tempestades. O volume de águas foi tão e intenso que duas cidades piauienses aparecem entre as 12 que mais acumularam no país, nas últimas 24 horas analisadas. Os dados são do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) que verificou um volume de 91,6mm em Santa Cruz dos Milagres; e 82mm, em Matias Olímpio. Somente o estado de Santa Catarina teve mais municípios nesse ranking, cinco ao todo.

As cidades piauienses ficaram na sexta e 11ª posições, respectivamente, conforme o levantamento. O município baiano de Itaituba foi quem liderou o acumulo de água com um volume de 108,8mm. A vizinha cidade maranhense de Timon, também aparece na lista, na  oitava posição com 84mm de água acumulado. O cálculo do Cemaden, feito em parceria com o Inmet, que é o Instituto Nacional de Meteorologia, foi feito entre às 9h de ontem até às 9h desta segunda-feira (07). 

Piauí tem duas cidades com mais acúmulos de água no país em 24 horas (Foto: Raíssa Morais/ Portal MN)Piauí tem duas cidades com mais acúmulos de água no país em 24 horas (Foto: Raíssa Morais/ Portal MN)

Veja:

Os maiores acumulados em 24 horas no Brasil: 

⛈️ Itaituba-PA: 108,8mm

⛈️ São Luís-MA: 104,2mm

⛈️ Luiz Alves-SC: 104,1mm

⛈️ Araquari-SC: 103,0mm

⛈️ Benedito Novo-SC: 102,4mm

⛈️ Santa Cruz dos Milagres-PI: 91,6mm

🌧️ Candelária-RS: 85,6mm

🌧️ Timon-MA: 84,0mm

🌧️ Indaial-SC: 83,6mm

🌧️ Ilhota-SC: 83,2mm

🌧️ Matias Olímpio-PI: 82,0mm

🌧️ Campo Limpo Paulista-SP: 81,5mm

Dados: Cemaden e INMET

Acumulado: 9:00am do dia 06/03/2022 as 9:00am do dia 07/03/2022

De acordo com o climatologista Werton Costa, esse grande volume de chuvas ocorreu em virtude da chegada da ZCIT, que é a famosa Zona de Convergência Intertropical. Ele ressalta que ela deveria ter atuado na região Nordeste desde a primeira quinzena de fevereiro, mas por conta de um bloqueio nas condições técnicas ela atrasou a sua chegada.  “Porém, agora ela chegou com tudo e vai continuar atuando, principalmente nas regiões norte do Ceará, Piauí e Maranhão, provocando grandes instabilidades”, disse. 

Aqui no Piauí, especificamente, a atuação da ZCIT, que é quem de fato comanda  as chuvas na região Nordeste no pico da estação chuvosa, veio com tudo, na região norte do Estado, no Vale do Longá, e em Teresina, até o Médio Parnaíba. Exemplo disso, é que a chuva de ontem à noite que entrou a madrugada, acumulou 62 mm na capital. Já nas cidades do litoral, os acumulados foram: Ilha Grande 79 mm, 68 mm Parnaíba e 56 mm em Cajueiro da Praia.