O litígio de terras entre o Piauí e o Ceará segue provocando polêmica e mobilizando os parlamentares, desta vez, os 46 deputados estaduais cearenses assinaram uma carta intitulada 'Somos Todos Cearenses', em defesa da manutenção do território ao Estado. Ao todo, caso o Piauí vença a ação no Supremo Tribunal Federal, 13 municípios da Serra da Ibiapaba serão impactados

A assinatura ocorreu em sessão realizada pela Assembleia Legislativa do Ceará no município de São Benedito, um dos que teria o território atingido pela briga judicial, passando parte da cidade para o Piauí. 

Carta foi assinada em Assembleia Itinerante em São Benedito (Foto: Divulgação ALCE)Carta foi assinada em Assembleia Itinerante em São Benedito (Foto: Divulgação ALCE)

O texto pontua que a Assembleia vai 'lutar até o fim' para que se consiga o desfecho desejado pelo povo da região. "A população ibiapabana, usando a prerrogativa da autodeterminação, deseja ser consultada e quer participar ativamente de todas as tratativas que envolvam seu território, sua cultura, sua história, sua identidade e o seu sentimento de pertença", destaca a carta. 

O blog vem acompanhando a questão de perto, de momento, o STF aguarda a conclusão da perícia técnica do Exército, o que deve ocorrer no início de 2022. Em análise preliminar, deu-se razão ao Piauí. A aguardar os próximos desdobramentos. 

[email protected]