Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Freddie Mercury fazia, há 30 anos, a sua última aparição em público

O dia de ontem marcou os 30 anos em que Freddie Mercury apareceu em público pela última vez, daí mergulhando num recolhimento quase absoluto, até sua morte 21 meses depois. O dia em que os fãs viram Freddie Mercury pela última vez foi 18 de fevereiro de 1990. Foi nesse instante, também, que ouviram pela última vez o ícone do rock- vocalista eletrizante e notável compositor do grupo Quenn-. falar da doença que o atacou e que, já naquele momento, o deixava muito magro e com aparência frágil. Foi um dia de emoção e muita tristeza.

A última aparição de Freddie Mercury, junto com a banda Queen, se deu na edição do Brit Awards 1990 no Dominion Theatre, em Londres, no dia 18 de fevereiro, e foi a última vez que Mercury esteve em um evento. Como a saúde dele piorou, no ano seguinte, passou a viver apenas na mansão com a família e amigos.


Quando o grupo subiu ao palco, Mercury estava certamente mudado. Notavelmente muito magro, estava com uma vestimenta sóbria, o que preocupou o público. Durante vinte anos, o músico conquistou o mundo com um espírito exuberante, mas, desta vez, estava quieto e retraído, permitindo que Brian May falasse.

"Em nome do grupo, gostaria de dizer muito obrigado a todos que nos acompanharam durante todos esses anos, porque, ao fazer isso, vocês nos deram muitas liberdades para ir atrás do que chamamos de nossa arte", discursou o guitarrista ao receber o prêmio de Contribuição Excepcional para a Música Britânica no 11º Brit Awards.

Logo em seguida, Freddie Mercury silenciosamente aproximou-se do microfone e disse: "Obrigado… Boa noite". A fala ganhou outro nível de significado quando se tornaram as últimas palavras que ele disse em público antes da morte dele, em 24 de novembro de 1991.

Na época, os integrantes do Queen sabiam que Mercury tinha AIDS, mas a doença do vocalista ainda não era de conhecimento público. Com terno azul-claro, o músico apareceu na premiação estranhamente quieto e muito magro, o que levantou mais rumores sobre a saúde dele

Depois da fala do guitarrista Brian May ao microfone, Mercury agradeceu rapidamente pela premiação com apenas três palavras: "Obrigado… Boa noite".

Desde 1986, fãs já especulavam sobre a saúde do cantor, pois tabloides como o The Sun publicavam matérias sobre Mercury estar com AIDS muitos anos antes do anúncio oficial. No entanto, o astro manteve a privacidade até 22 de novembro de 1991, quando confirmou o diagnóstico de HIV em declaração oficial. Um dia depois do anúncio, Mercury morreu.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar