Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Concurso PRF: últimos dias de inscrição para 500 vagas

Inscrições são recebidas pela internet, no site do Cebraspe

Concurso PRF: últimos dias de inscrição para 500 vagas
Todas as oportunidades são destinadas ao cargo de policial rodoviário | Divulgação/PRF
Compartilhe
Google Whatsapp

Ainda dá tempo de participar do concurso público da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A seleção, que visa o preenchimento de 500 postos de policial rodoviário, recebe inscrições até as 20h desta terça-feira, dia 18 de dezembro. Com taxa de R$ 150, as inscrições devem ser realizadas pela internet, na página eletrônica do Cebraspe.

Oportunidades estão distribuídas entre os Estados do Acre (17 vagas), Amapá (23), Amazonas (28), Bahia (17), Goiás (27), Maranhão  (18), Mato Grosso (57), Mato Grosso do Sul (35), Minas Gerais (9), Pará (81), Piauí (22), Rio de Janeiro (10), Rio Grande do Sul (23), Rondônia (74), Roraima (15), São Paulo (19) e Tocantins (25).

Para concorrer ao cargo de policial rodoviário é necessário possuir curso de nível superior em qualquer área de formação, além de carteira de habilitação a partir da categoria “B”. A jornada de trabalho dos servidores é de 40 horas semanais.

A remuneração inicial é de R$ 9.931,57, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 458.  Além disso, de acordo com a lei 13.371, sancionada pelo presidente Michel Temer em 2016, os servidores contarão com mais um reajuste, em janeiro de 2019, quando o salário passará a ser de R$ 10.357,88, também com o benefício.

Cabe ao servidor do cargo realizar atividades de natureza policial envolvendo fiscalização, patrulhamento e policiamento ostensivo, atendimento e socorro às vítimas de acidentes rodoviários e demais atribuições relacionadas com a área operacional da Polícia Rodoviária Federal.

Provas

A aplicação das provas objetivas e dissertativas está marcada para o dia 3 de fevereiro, no período da tarde. A prova objetiva será composta de três blocos, com 50 questões no primeiro, 40 no segundo e 30 no terceiro. Além disso, no mesmo dia, os candidatos serão submetidos a uma prova dissertativa, de até 30 linhas. Posteriormente, a seleção contará, ainda, com exames de capacidades físicas, exames de saúde, avaliação psicológoca, análise de títulos e investigação social.

A duração da prova objetiva será de 4 horas e meia.

A bloco I versará sobre língua portuguesa, raciocínio lógico matemático, informática, noções de física, ética no serviço público, geopolítica brasileira e História da PRF.

No bloco II serão abordados temas de legislação de trânsito.

Por fim, no bloco III,  noções de direito administrativo, noções de direito constitucional, noções de direito penal e processual penal, legislação especial, direitos humanos e cidadania.

Posteriormente, a seleção contará, ainda, com exames de capacidade física, exames de saúde, avaliação psicológica, análise de títulos e investigação social.

Válido pela última etapa do processo seletivo, o curso de formação é realizado na Academia Nacional da Polícia Rodoviária Federal, em Florianópolis, capital de Santa Catarina. Durante o treinamento, que tem duração média de três meses, os agentes acompanham aulas sobre condução veicular policial; educação e segurança no trânsito; policiamento e fiscalização; direitos humanos e cidadania; técnicas de abordagem; ética, postura profissional e atendimento ao público; entre outras disciplinas.




Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar