mais

Ômicron: Crianças e bebês têm mais chances de serem hospitalizados

Há uma proporção maior de crianças mais novas internadas nas últimas quatro semanas

Crianças pequenas e bebês têm proporcionalmente mais chances de serem hospitalizados por conta da variante ômicron. Esse foi o resultado de um estudo britânico publicado nesta sexta-feira (14) e compara com crianças mais velhas e com variantes anteriores.

De acordo com o estudo, há uma proporção maior de crianças mais novas internadas nas últimas quatro semanas, principalmente bebês com menos de um ano de idade. Os dados apontam que, entre as crianças hospitalizadas com a Covid-19, 42% tinham menos de 1 ano de idade, em comparação com cerca de 30% menos em ondas anteriores.

Vacinação dos maiores de 12 anos pode explicar a queda proporcional de crianças mais velhas sendo hospitalizadasVacinação dos maiores de 12 anos pode explicar a queda proporcional de crianças mais velhas sendo hospitalizadas

A pesquisa sinaliza ainda que a vacinação dos maiores de 12 anos pode explicar a queda proporcional de crianças mais velhas sendo hospitalizadas.

De acordo com Russell Viner, professor de Saúde Infantil e Adolescente da UCL, a tendência provavelmente se deve em parte aos sintomas da ômicron, que se assemelham aos tipos de condições respiratórias que podem fazer com que pais levem seus bebês para o hospital como precaução, enquanto os caminhos clínicos para crianças mais velhas não as levam ao hospital com tais sintomas leves.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail